Fé não é sobre sentir, é crer sem questionar

Quando lançamos sobre Ele os temores que nos assombram, é como se sentíssemos Ele nos carregando no colo.

Fonte: Guiame, Matheus GrismaldiAtualizado: quinta-feira, 3 de março de 2022 17:25
(Foto: Picsels)
(Foto: Picsels)

É incrível quando encontramos em todos os evangelhos sinóticos, que Pedro foi o único ser humano na história a ter andado sobre as águas e, mesmo assim, Jesus chamou a sua fé de pequena.

Provavelmente, você já deve ter se perguntado: “Como assim, pouca fé? Ele andou sobre as águas.” O cenário de ventania e tempestade era mínimo comparado ao nível de fé que Pedro precisava ter. Não uma fé fundamentada em si, mas fé em Jesus. Ele é quem pode fazer, portanto, tudo o que precisa fluir de nós em cenários como este é a mesma fé.

Pedro não conseguiu chegar até Jesus porque o medo sufocou sua fé. Jesus não o estimou com exigências mais ponderadas pela influência externa de ventos e ondas, pois era circunstancial o que estava diante de seus olhos. Jesus sabia que, naturalmente, Pedro não tinha a capacidade de controlar o que acontecia no ambiente, mas de mostrar-lhe que Ele é maior que a tempestade.

O padrão da fé permanece o mesmo em todas as estações. Se está tudo bem eu creio, mas em dias não tão fáceis também continuo crendo. Tanto no verão quanto no inverno, Ele exige a mesma fé. Ventos fortes não podem diminuir o ímpeto, o fervor ou energia da nossa fé. Sucumbir é um contrassenso com aquilo que cremos. Em toda a narrativa bíblica sempre encontraremos um Deus que nos anima e nos impulsiona a não temer, por pior que seja o cenário, pois sempre há uma garantia: Eu não estou só, Ele está comigo!

Quando não duvidamos, quando não consideramos o macro ambiente, quando cremos sem interrogar e escolhemos o esconderijo do Altíssimo, o descanso da sombra do Onipotente, o abrigo de suas asas, então experimentamos do cuidado e do favor de um Deus que se preocupa, que está sempre presente e, infalivelmente, é compromissado com aquilo que promete. Ele prometeu jamais nos deixar e nos abandonar, mas tudo o que deseja de nós, é encontrar fé que emana do nosso coração e verbaliza em nossos lábios.

O consolo e conforto proporcionados aos que confiam, a segurança dispensado aos que dependem são palpáveis. É indescritível, mas é real... Deus responde as nossas súplicas e ouve os nossos pedidos, pois para Pedro, antes mesmo de pedir ajuda, Jesus já estava com os braços estendidos pronto a lhe socorrer. Quando lançamos sobre Ele os temores que nos assombram, é como se sentíssemos Ele nos carregando no colo quando mais precisamos e isso transcende qualquer teoria.

Matheus Grismaldi é escritor, missionário e assessor de comunicação e imprensa em Angola, África. Também integra equipe de plantações de Igrejas, dedica-se ao discipulado, apaixonado pelo Evangelho e faz parte da liderança na Igreja Videira, Vinha Angola. É o filho caçula de três irmãos, nascido em lar cristão, natural de São Paulo, carrega o sonho de ver uma geração vivendo a grande comissão e missões transculturais.

* O conteúdo do texto acima é de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Leia o artigo anterior: O Evangelho não é uma filosofia

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições