A Grande Bôca Institucional

A Grande Bôca Institucional

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 10:17

Ezequiel 32.1-3: "Filho do homem, levanta uma lamentação contra Faraó, rei do Egito, e dize-lhe: Foste comparado a um filho de leão entre as nações, mas não passas de um crocodilo nas águas; agitavas as águas, turvando-as com os pés, sujando os rios".

Tentando ser um leão aos olhos do mundo, O Egito aos olhos de Deus, será transformado a um crocodilo fora de seu habitat. Para o crocodilo diz o SENHOR: Estenderei sobre ti a minha rede no meio de muitos povos, que te puxarão para fora (v.3). Fora de seu ambiente natural o crocodilo não provoca a mesma agitação que é capaz de fazer na água. O crocodilo é poderoso, mas apenas no rio. Desta forma, o Egito teve seus limites territoriais demarcados profeticamente.

Deus prometeu às nações, oprimidas por Faraó, colocar em suas mãos a rede na qual o imenso animal prenderá este animal de boca grande. Em terra a sua mobilidade se reduz grandemente, e as aves o usam como se fosse um poleiro. No deserto e nas montanhas, a sua enorme boca, mesmo cheia de grande dentes será de pouca utilidade, visto que tem dificuldade para chegar perto da presa. Isto já ocorreu quando Faraó, ao perseguir Israel, presa vulnerável, viu seus cavalos e cavaleiros serem tragados pelo Mar Vermelho e morrer afogado de boca aberta.Assim ocorrerá ao anticristo, figura temerária capaz de assimilar sistemas financeiros, bélicos, políticos e religiosos. Ele será exterminado com um simples sopro da boca do Leão.

O mesmo ocorrerá aos sistemas religiosos que, buscando seu fortalecimento, se tornaram insaciáveis fagocitadores. Com o aumento da sua massa corporal são capazes de assimilar simultâneamente diversos grupos menores. Na barriga do crocodilo, onde imaginavam estar protegidos, percebem que foram devorados. O sistema digestivo deste réptil os transforma em nutrientes de um sistema religioso cujos tentáculos aumentam rapidamente. Esta malha controla suas presas mediante ameaças veladas e premiações públicas. Também para estes o Leão de Judá abrirá a sua bocarra.

Ubirajara Crespo   é pastor, escritor, conferencista, editor e diretor da Editora Naós.

Visite o Blog sob Nova Direção -   http://sob-nova-direcao.blogspot.com/

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições