A verdade sobre a armadura de Deus

A verdade sobre a armadura de Deus

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:32

"No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo; porque não temos que lutar contra carne e sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes". (Ef 6.11-12)

Quando o diabo não consegue nos impedir de reconhecer a eficácia exercida pela nossa armadura, tenta impedir que descubramos o material com o qual ela é feita. Eis alguns de seus enganos: É feita de matéria prima genuinamente espiritual. Este metal, uma vez utilizado, é capaz de resistir a força dos dardos inflamáveis do inimigo. É algo que temos de vestir de manhã e tirar antes de colocar o pijama. É transcendente e inquebrável.

Neste texto, ao contrário de tudo isto, aprendemos que esta armadura é construída com atitudes como a verdade, a justiça e a fé. Será que poderíamos acrescentar o amor, a misericórdia, o perdão e o domínio próprio? Uma cerimônia religiosa não imuniza a quem continua na prática do pecado deixando de fazer o bem. Satanás é o general do exército inimigo. Seu caráter é o pior possível, sua crueldade não tem parâmetros.

Observe alguns dos adjetivos usados na Bíblia para descrevê-lo: "pai da mentira", "destruidor", "ladrão", "homicida", "o que procura devorar como leão", "o que vem pecando desde o princípio", etc. etc. etc. Paulo fala das suas "astutas ciladas", ou de toda sorte de armadilhas. E não sejamos simplistas em achar que as ciladas do diabo consistem em cavar um buraquinho como o dos caçadores e cobri-lo com folhas. Se dependesse dele, nenhum buraco seria tão fundo quanto ele gostaria.

O diabo tem poder. Não é comparável ao Poder de Deus, mas ele tem poder. É inteligente, mais do que qualquer ser humano poderia ser. Se Jesus, e Paulo, e João falaram tanto acerca do diabo, sua atuação e, principalmente, a atuação no final dos tempos (que é agora!)... é porque queriam chamar nossa atenção para isso. Se possível fosse, até os eleitos seriam enganados.

E a nossa luta, qual é?

Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça, e calçados os pés na preparação do evangelho da paz; tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno.

"Luta" que dizer confronto. Quer dizer combate! Nós não devemos dar maior ou menor ênfase a este assunto do que daríamos a qualquer outro. Mas, sim, a justa e merecida atenção a fatos que são inegáveis. Porque ? quer queiramos ou não ? já aprendemos que o Cristão tem inimigos reais, que querem o seu mal acima de qualquer outra coisa. Defrontamo-nos aqui com uma verdade espiritual clara e concreta, tão verdadeira quanto qualquer outra da Bíblia.

É interessante notar que na carta aos Efésios, Paulo trata de diversos assuntos referentes ao dia a dia do Cristão. O último assunto da epístola faz menção à Batalha Espiritual, e o apóstolo inicia com a expressão "quanto ao mais, irmãos, (...)", ou seja, "além disso tudo". Essa expressão demonstra que a Batalha Espiritual também faz parte do dia a dia e da realidade do Cristão da mesma forma que os assuntos anteriormente tratados por Paulo.

"Nossa Luta" quer dizer que ela envolve a todos. Não apenas os "mais espirituais", ou os "menos espirituais". Paulo se dirige "aos irmãos", isto é, o assunto abrange toda a Igreja. Já dissemos que muitos não crêem na realidade da Guerra Espiritual. Mas hoje estamos aqui para aprender o que a Bíblia diz. Se Paulo fala acerca de uma Guerra, é porque ela existe. Ninguém fala do que não é real.

Ubirajara Crespo é pastor, escritor, conferencista, editor e diretor da Editora Naós.  

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições