MENU

Tirai a pedra e dai de beber ao rebanho

Tirai a pedra e dai de beber ao rebanho

Atualizado: Segunda-feira, 12 Março de 2012 as 8:38

Gn 29 : 1 a 3 diz: Pôs-se Jacó a caminho e se foi a terra do povo do oriente. Olhou, e eis um poço no campoe três rebanhos de ovelhas deitados juntos dele; porque daquele poço davam de beber aos rebanhos; ehavia grande pedra que tapava a boca do poço. Ajuntavam-se ali todos os rebanhos, os pastores removiama pedra da boca do poço, davam de beber às ovelhas e tornavam a colocá-la no seu devido lugar. Verso: 7 e 8: Então lhes disse: É ainda pleno dia, não é tempo de se recolherem os rebanhos; dai de beber ás ovelhas e ide apascentá-las. Não o podemos, responderam eles, enquanto não se ajuntarem todos os rebanhos e seja removida a pedra da boca do poço e lhes demos de beber.

Que tempo estamos vivendo no evangelho? Olhamos e vemos apenas separação, divisão e partidarismo. Há apenas muitos rebanhos. Jacó teve coragem de sair de casa e ir a uma terra diferente. A bíblia diz ao Oriente.Será que não podemos fazer o mesmo? Qual será o caminho para onde Deus quer nos levar? Em qual terra, obra outrabalho Deus quer saciar-nos?

O problema é que não temos coragem de esperar outros para juntos tirar a pedra. Quantos não dependemapenas de mim para beber, mas sozinho eu não consigo tirar a pedra. Quantos não estão prontos para seralimentados, mas sozinho não consigo alimentá-los.Os homens se ajuntavam ao redor do poço e suas ovelhas aguardavam juntas a ele. Será que a igreja nãoestá no mesmo nível destas ovelhas ao redor do seu pastor assentadas a beira de um poço? Aparente segurança,mas ainda com sede? É assim que você se sente dentro da igreja? Calmo, protegido, mas ainda com sede? Não éassim que a grande maioria se sente em relação ao Evangelho? A água virá!

Amados, lhes digo: Vem um tempo onde Deus aproximará e levantará pessoas com coração de pastor, eestes conduzirão seu rebanho para as águas que trazem refrigério e descanso. É incrível pensar que aquele pastor esperava que outros se achegassem para dar de beber aos seus rebanhos. Será que conseguimos isso hoje? Será que conseguimos juntar para saciar a sede coletiva?

O segredo é esperar. Não é fácil, mas este é o segredo. Quem envia ajuda é Deus. Pensamos em grandes eventos, programações, métodos, mas Deus fala de coisas simples: Nossa casa, igreja, nosso trabalho dentro do corpo de Cristo, na fidelidade em confiar naquele que nos dirige para perto das águas tranqüilas.

Deus também nos fala de coisas maiores que podemos fazer e muitas vezes desistimos: Quem são os pastores que vão ajudar a tirar a pedra? Quem são aqueles que vão dar alívio aos que passam sede, fome espiritualou material? É chegado o tempo de Deus levantar homens com esta disposição. Você já viu quando conosco se juntam 3 ou 4 com corações dispostos? Já se fortaleceu quando ganhamos alguém que ajude e faça força conosco? Vencemos, alimentamos, cuidamos, apascentamos.

Quando descobrimos que podemos tirar a pedra, coisas acontecem. Estas pedras são reais. Vidas são alcançadas e graciosamente vêem uma porta de saída, casas são transformadas e se tornam dignas da presença de Jesus, mas é preciso disposição para somar a outras pessoas e TIRAR A PEDRA. Jesus deu tais ordens: Removam a pedra. Em Jo 11:39 a 42 vemos a citação da Ressurreição de Lázaro e o estado da humanidade é igual ao estado de Lázaro: Morto, cheirando mal, mas é exatamente neste lugar que Deus quer realizar um milagre. Estão atados, amarrados, mas ali Deus trará a libertação. Não podemos duvidar. Será que não somos iguais ao povo ao redor de Jesus apenas olhando e esperando? Deus diz: Chegou a hora! Quem são os homens que Deus quer levantar para ministrar vida?

Quem são os homens com coração de pastor que Deus irá levantar para tirar a pedra? Porque dizemos sim hoje e desanimamos amanhã? Será que não podemos pedir ao Senhor que aproxime pessoas que nos ajudem a remover a pedra? Será que não podemos pedir ajuda? Pessoas esperam beber através de nós e o que temos feito?

A água é Jesus e quem beber dela terá a vida eterna. O rebanho são aqueles que aguardam beber dessa água. Os pastores são aqueles que foram unidos em um propósito de alimentar o rebanho. Não é preciso formar um só rebanho, é preciso que sejam saciados pela mesma água. Não é preciso ser um líder forte, mas podemos sermuitos líderes corajosos que removem pedras. Hoje só vemos desolação.

Pessoas morrem de sede porque não há quem as sacie ou apenas encontramos gente que se contentou em estar ao redor do poço, mas não bebe dele. Pessoas aguardam ter um contato com Jesus e o que recebem? Doutrina e liturgia. Se há algo que podemos pedir a Deus é que Ele nos dê coragem para tirar a pedra. Podemos pedir que Deus nos ajunte a fim de tirarmos a pedra para saciar a sede do rebanho. Deus irá lhe dar confiança, força e certeza de que Ele é com você, lhe dará talento, abrirá portas e veremos milagres acontecendo em nosso caminho. Não é sozinho, mas junto com outros pastores e seus rebanhos. É com sua família, com seus amigos, com sua igreja, com outros irmãos, mas cadarebanho, após beber, segue seu pastor. A questão hoje é que não temos bebido juntos, por isso estamos fracos. Não temos obedecido as ordens de Jesus e morremos, cansamos. Se procurarmos água, Ele nos dará água, se procurarmos refrigério, Ele nos dará refrigério.

No texto de Jo 21: 15 a 17 a ênfase é esta: Apascenta as minhas ovelhas. Jesus pediu algo muito sério. Aprender o significado de levá-las até a água, cuidar delas e fazer com que adquiram confiança. Chegou o momento de abrir a nossa guarda e deixar que outros pastores possam, juntamente conosco, tirar a pedra para dar de beber ao rebanho, pois sozinhos existirá apenas ovelhas, pastor, água e também uma sede que nunca cessará, pois sozinhos não conseguiremos. Ajuda-nos ó Senhor a dar de beber de Ti ao rebanho.

 

Por Valdir Ávila

veja também