Assembleia de Deus em Jundiaí celebra centenário do pastor Elyseu

Assembleia de Deus em Jundiaí celebra centenário do pastor Elyseu

Atualizado: Segunda-feira, 22 Novembro de 2010 as 10:29

Na próxima segunda-feira, o pastor Elyseu Queiroz de Souza, presidente de honra da Assembleia de Deus de Jundiaí (SP), completará seu centésimo aniversário. E entre os dias 26 e 28 de novembro a AD de Jundiaí, hoje presidida pelo pastor Esequias Soares da Silva, celebrará o centenário deste estimado pastor.

Pioneiro das igrejas Assembleias de Deus no interior de São Paulo, o pastor nasceu em 22 de novembro de 1910, na cidade de Água Branca (atual Delmiro Gouveia), no Estado de Alagoas.

Filho de Pedro Queiroz de Souza e Ana Maria de Queiroz, Elyseu Queiroz casou-se com Eunice Cavalcante Queiroz, e desta união Deus lhes deu quatro filhos: Eliseu Sérgio, Joel, Jaziel e Elizabete.

Aos 20 anos o jovem Elyseu conheceu na casa de seu irmão mais velho, o jornalista Sérgio Queiroz, um “livrinho meio amarelado” com a inscrição “Bíblia”. Era uma Bíblia de Figueiredo (tradução de Padre Figueiredo). Elyseu então perguntou: “Sérgio, este livro aqui, o que é isto?” Ele respondeu: “Isto aí é uma Bíblia. Aí tem histórias de como foi criado o mundo”. O irmão mais velho era católico romano, mas deu ao mais novo uma explicação, como jornalista, dizendo: “Isso aqui não tem mais valor”. E mostrando o Novo Tes¬tamento, Sérgio recomendou: “Olha, você deve ler aqui”. Então, ele começou a ler aquela Bíblia, e a se deleitar com a leitura e assim Elyseu converteu-se ao evangelho; lendo a Bíblia.

Durante o final de semana da celebração do centenário do Pastor de Honra da AD de Jundiaí, a igreja celebrará também o 15º aniversário de inauguração do Templo Sede.  

veja também