Cowboys de Cristo promovem Impacto Evangelístico na Festa do Peão de Barretos

Cowboys de Cristo promovem Impacto Evangelístico na Festa do Peão de Barretos

Atualizado: Terça-feira, 22 Julho de 2008 as 12

Cowboys de Cristo promovem Impacto Evangelístico na Festa do Peão de Barretos

Distribuir folhetos, contar a história da própria conversão e declarar o amor de Deus fazem parte da missão do evangelistas de botas e chapéu de vaqueiro, que terão o apoio de atores e engolidores de fogo.

Por Myrian Rosário

Além dos atrativos tradicionais, a Festa do Peão de Barretos, que será realizada entre os dias 21 e 31   de agosto, no interior paulista, terá entre os seus participantes um grupo diferenciado: os Cowboys de Cristo, que promoverá um Impacto Evangelístico, dentro e fora do Parque, no dia 23, sábado. "Logo que eu me converti, aposentei as botas, o cinto e o chapéu", conta Alex Renzi, líder da Comitiva Cowboys Anjos de Cristo. "Mas não demorou muito para eu perceber que Deus havia me salvado para que eu testificasse do amor e do poder dEle no meio em que eu sempre vivi. Quando isso aconteceu, tirei minha roupa de cowboy do armário e comecei a pregar entre as pessoas que amam o estilo country".

Alex pretende formar um grupo com 40 pessoas, todas devidamente autorizadas pelo seu pastor, para realizar uma panfletagem na entrada do parque. "Nossa estratégia é formar um grupo em volta de um violão e cantar músicas gospel sertanejas. Vamos distribuir os folhetos e falar de Jesus na linguagem dos cowboys", explica.

Para atrair a atenção, também serão apresentadas pantomimas e shows de pirofagia. "Queremos alcançar o maior número de pessoas logo na entrada, quando elas ainda estão sóbrias e podem ler a mensagem", revela Alex, que está preparando um folheto especial: "Os 10 Mandamentos do Cowboy de Cristo". Todas as pessoas serão devidamente cadastradas e contatadas futuramente pelos Cowboys de Cristo.

Dentro do Parque, os participantes do Impacto Evangelístico pretendem se espalhar estrategicamente em pequenos grupos de quatro pessoas. "Vamos marcar presença e continuar a panfletagem. O uniforme da nossa comitiva chama a atenção, as pessoas perguntam o que é e essa é a nossa deixa para evangelizar de uma maneira mais direta", comenta Renzi. "Também vamos andar pelo parque e bater-papo com os amigos, contando pra eles o que Jesus fez na nossa vida".

A escolha da data para a realização do Impacto também não foi aleatória. "O parque vai estar cheio nesse dia porque vão se apresentar Édson e Hudson, Bruno e Marrone e, o que é melhor para nós, a dupla César Menotti e Fabiano, que também são evangélicos", conta o cowboy de Cristo. "Nosso maior cuidado será não levantar polêmicas em relação à idolatria, que é muito comum nesse ambiente. Nós não vamos pregar contra a crença de ninguém, vamos passar a mensagem do amor de Cristo de maneira bem natural, sem evangeliquês". Na saída, o grupo voltará para a porta do parque para continuar o evangelismo.

O Impacto Evangelístico contará com a participação das Comitivas Cowboys Anjos de Cristo, de São Paulo, e Anjos de Deus, de Osasco. O grupo terá o apoio do Grupo de Evangelismo Bora, responsável pela pantomima, Extreme, que faz os shows de pirofagia,  e do Pr. Ivêner Soler, da Igreja Batista do Povo, que dará suporte espiritual ao grupo durante o evangelismo.

veja também