Irmão Yun, o Homem do Céu, fala seu testemunho na Tenda da Graça (SP)

Irmão Yun, o Homem do Céu, fala seu testemunho na Tenda da Graça (SP)

Atualizado: Quinta-feira, 2 Abril de 2009 as 12

No próximo dia 2 de abril, quinta-feira, o irmão Yun, autor do livro "O Homem do Céu", estará em evento na Tenda da Graça,  a partir das 19h30, onde falará o seu testemunho. A Tenda da Graça fica na Av. Cruzeiro do Sul, 1101, em frente ao Shopping D, na cidade de São Paulo.

Perseguido por falar de Cristo O irmão Yun nasceu em 1958, na província de Henan, China. Ele conheceu a Cristo pela experiência de cura de seu Pai, que teve câncer. Apesar da opressão do Regime Comunista, que teve como grande líder, Mao Tsé Tung, Yun e sua família não se intimidaram, e perseveraram em levar as boas novas aqueles que nunca ouviram falar de Cristo.

Irmão Yun foi preso várias vezes e torturado pelo simples fato de falar de Jesus. Sua vida sempre foi pautada pelo amor às vidas, até mesmo para com aqueles que o perseguiam. Num dos momentos de maior dificuldade, Yun jejuou por 74 dias. Mesmo preso, seu espírito se fortalecia ainda mais: "Durante o jejum, embora meu corpo estivesse muito fraco, meu espírito se achava alerta e continuei confiando no Senhor". Deus tem usado tremendamente a vida desse irmão.

Atualmente Yun trabalho na missão "De volta a Jerusalém", que tem por objetivo treinar e enviar missionários chineses para a evangelização dos povos que se encontram na janela 10:40.

Literatura "Não são os grandes homens que transformam o mundo, mas sim os fracos, nas mãos de um grande Deus".

"O Homem do Céu" é a história real do Irmão Yun. Esse homem simples, que nasceu em uma vila rural da China, teve um encontro com Jesus depois que seu pai foi curado milagrosamente de um câncer. Yun entregou sua vida ao Senhor e dedicou-se a servi-lo com todas as suas forças, vindo a tornar-se anos mais tarde um dos líderes da igreja doméstica da China.

Ler este livro é como ler uma versão atual de Atos dos Apóstolos. O testemunho do Irmão Yun emociona e deixa os leitores maravilhados diante do poder extraordinário de Deus. Seu relato traz à tona o grande drama da perseguição aos irmãos chineses, que até hoje são presos, torturados e levados perante às autoridades por causa de sua fé.

O Irmão Yun em nenhum momento negou sua fé em Jesus. Após anos de perseguições, prisões, torturas e grande sofrimento, deixou a prisão de forma milagrosa. Atualmente, vive na Alemanha e viaja com freqüência pregando e compartilhando suas experiências. Paul Hattaway, co-autor deste livro, vive na Tailândia. É um estudioso da igreja chinesa e escreveu o livro: "Operation China" (Operação China).

veja também