MENU

Deixa o menino brincar!

Deixa o menino brincar!

Atualizado: Quinta-feira, 13 Outubro de 2011 as 11:32

Tem horas que fico abismada! Hoje é muito comum ver crianças de 5 anos que são craques no computador e em jogos de games. Poucas sabem o que bola de gude, pião, brincar de "mamãe polenta", taco, garrafão, ciranda, brincar num balanço, subir numa árvore... Agora, se você perguntar sobre jogos de computador, eles saberão lhe indicar os mais legais, os últimos lançamentos, etc.

Isso tudo me assusta! Como pode uma criança não brincar?! Muitos pais acham que criança saudável é aquela que fica em casa, quietinha, comportada, que faz suas tarefas e não aparece com arranhões em casa por ter caído no chão...

Está errado! Criança saudável é aquela que corre e faz bagunça, que brinca na lama do parque, que aparece com arranhões em casa devido os tombos que levou por andar de bicicleta ou patins.

Muitos pais enchem os filhos de tarefas (aulas de música, judô, natação, inglês, entre outros), mas esquecem que a criança tem o direito a horas para brincar. E não é apenas um direito - brincar é algo importantíssimo para o desenvolvimento desse pequeno ser.

Ao brincar a criança não apenas estimula sua coordenação motora como também

Aproveito também para dizer que mais legal que brincar com os coleguinhas, é a criança brincar com os pais. Esse é um momento da criança criar um vínculo forte com os pais e que deve ser aproveitado. Eles sentem-se confiantes e tendo a certeza que tem alguém ali para quem confiar seus segredos e medos. E em contrapartida, para nós, adultos, brincar é uma forma de aflorar nosso lado criativo e espontâneo, desestressar, além movimentar o corpo e sair do sedentarismo.

Agora você sabe o quanto brincar é importante, que tal sair desse computador e levar seu filho para jogar bola?!

estimula a criatividade (momento dela explorar o mundo e a si mesmo), fortalece sua auto-estima, aprende a lidar com seus sentimentos (frustrações, medos, inseguranças, rivalidades, etc). É na brincadeira que a criança aprende a ser adulta, que aprende as regras do mundo adulto, a sociabilizar-se, a respeitar a liberdade de cada um (a minha liberdade termina onde a do outro começa). Até os conceitos cristãos são aprendidos no ato de brincar!

Fabricia Silv a é bacharel em publicidade e propaganda, arte-educadora e atriz cristã.

Contatos Msn:   [email protected]

Blog "Colored People": www.my.opera.com/bricasilva/blog

veja também