A alimentação que toda mulher deve ter

A alimentação que toda mulher deve ter

Atualizado: Terça-feira, 20 Maio de 2008 as 12

Devido às mudanças hormonais, durante a fase adulta, a mulher precisa tomar certos cuidados especiais com a saúde. Praticar exercícios, evitar situações de stress e dormir no mínimo 8 horas por dia. Estas, são dicas essenciais e bastante conhecidas pela mulher moderna. Porém a agitação e correria do cotidiano fazem com que muitas delas se esqueçam de ter uma dieta disciplinada, o que traz desconforto psicológico e físico.  

Comer bem e adequadamente não é uma tarefa difícil, só é necessário prestar mais atenção no que se consome normalmente. O ideal é seguir as normas da pirâmide alimentar e não se preocupar com nada mais, lembrando sempre de consumir um item de cada nível por refeição.                                  

Começando pela base, onde estão os alimentos ricos em carboidratos como pães, massas, cereais e arroz. Por estarem compreendidos no maior grupo de alimentos devem ser ingeridos em maiores quantidades durante o dia, pois são importantes fontes de energia. Logo acima da base estão os alimentos reguladores que são representados pelos grupos das frutas, verduras e legumes. São assim chamados porque são fontes de vitaminas, minerais e fibras que ajudam na regulação de várias reações do nosso corpo.

No terceiro nível da pirâmide alimentar estão outros dois grupos de alimentos os quais fazem parte, em sua maioria, os de origem animal como leite e derivados, carne, frango e ovos. Além desses, estão nestes grupos os feijões, ervilhas e nozes. Todos esses alimentos são importantes fontes de proteína e minerais.

O topo da pirâmide é representado pelos alimentos que devem ser  usados com moderação, pois além de calóricos podem levar à obesidade, doenças cardiovasculares, diabetes entre outras enfermidades. Neste grupo estão os óleos, manteigas e margarinas, açúcares e doces.                        

Qualquer que seja a sua idade, nunca é cedo ou tarde para começar uma alimentação saudável adaptada às suas necessidades. Normalmente as mulheres possuem menos massa muscular e mais gordura que os homens, ou seja, tem um menor metabolismo e precisam de menos calorias para manter um bom peso corporal. Para a maioria das mulheres, entre 1.200 e 2.200 calorias diárias são suficientes.                                                                                              

Muitas lutam contra a balança apelando para novas dietas e remédios da moda. Essas são soluções a curto prazo que não duram com o passar do tempo, alem disso podem ser perigosas para a saúde da mulher.

veja também