A hora de cortar o cabelo do seu filho

A hora de cortar o cabelo do seu filho

Atualizado: Terça-feira, 19 Abril de 2011 as 10:24

les nascem sem muito cabelo ou o cabelo com que nasceram cai com o tempo. Então eles vão crescendo, o cabelo vai crescendo e chega uma hora que tem que cortar, aparar e dar um tapa na peruca deles.

Tem criança que não gosta de cortar o cabelo, que dá escândalo na cadeira, sei lá por que cargas d’água não gostam e tem medo. Nós tivemos sorte e o trio aqui nunca deu problema. Acho que o sucesso dessa operação depende um pouco de quem corta o cabelo.

O nosso cabeleireiro era o Alcides. As crianças simplesmente adoravam o Alcides. Ele era meu barbeiro, cabeleireiro das minhas irmãs, da minha mãe, de vários amigos e amigas e dos filhos e filhas de todas as idades. O Alcides é polivalente. Cortar o cabelo com o Alcides era um programa, um divertimento.

Mas, apesar de gostar muito dele, um dia fiz as contas de quanto gastaria por ano com o meu corte e dos dois meninos e cheguei à conclusão de que precisava comprar uma máquina e eu mesmo cortar o cabelo dos homens da casa. O meu sempre foi fácil, máquina dois e pronto.

O cabelo dos meninos até que não ficava ruim. Tudo bem que às vezes eu não conseguia fazer o corte que esperava e tinha que passar máquina quatro pra consertar. No final, eles ficavam bonitinhos de qualquer jeito. E nós economizávamos uma graninha!

Aliás, até hoje economizamos, por que continuo a ser o Alcides aqui de casa. Até o cabelo da Laura ando cortando!

veja também