Acerte na escolha das roupas durante gravidez

Acerte na escolha das roupas durante gravidez

Atualizado: Sexta-feira, 9 Maio de 2008 as 12

Os seios aumentaram, a barriga cresceu, os pés incharam e o sono não te deixa em paz? Parabéns, você é uma futura mamãe e estes são só alguns dos sintomas que as mulheres precisam driblar durante esse período.

O lado emocional também fica abalado com tantas mudanças. É comum que as grávidas se sintam pouco desejadas e confusas na hora de se vestir, afinal, aquele nunca foi seu corpo. Mas nem tudo está perdido, usando os truques certos você pode ser uma grávida feliz e bonita.

A consultora de moda Chris Francini compartilha em um livro os truques que aprendeu durante a sua gravidez. "Grávida com estilo", é um manual que traz dicas e soluções interessantes para as grávidas até os nove meses. "A gestação é uma fase complicada para o corpo da mulher, mas isso não implica que ela deva abrir mão de seu estilo ou de seu modo de viver", explica Chris.

Durante a gravidez, é preciso pensar no conforto. "Não se pode usar nada apertado, especialmente na barriga. Não dá para usar salto porque dói a coluna. Nem por isso você precisa abandonar o seu estilo de vestir e de viver", completa a consultora.

Invista em roupas sempre básicas, de cortes simples, tecidos sem estampa ou enfeites e cores sóbrias, a grávida já chama a atenção pelo seu próprio estado. Nesse momento, os acessórios vão ganhar importância fundamental. "É importante lembrar que você irá comprar roupas para uma temporada curta, não vale a pena investir em roupas muito caras, já que muitas delas serão abandonadas mais adiante", explica Chris.

Toda mulher grávida deve saber que é possível dividir a gravidez em três etapas. Elas correspondem aos três trimestres da gestação. A primeira é que menos causa preocupação. Até o terceiro mês a mulher parece apenas mais gordinha e as roupas que estão no guarda-roupa ainda podem ser aproveitadas. Mas, a partir do segundo trimestre a barriga aparece para valer, aí é a hora de fazer compras que vão durar até o final.

O segredo é ficar atenta às dicas para acertar na produção. Uma grávida feliz é linda e orgulhosa do seu barrigão!

- Realçar a barriga, marcando a parte de baixo do busto e marcar a parte de trás das costas com um pencer sempre vai deixá-la parecendo mais magra, principalmente quando te olharem de costas.

- As jaquetas um pouco mais longas são um ótimo recurso, porque cobrem os quadris. Isso ajuda a alongar o corpo e disfarçar um pouco o crescimento da barriga. Jaquetas curtas estão proibidas.

- Cores escuras, que emagrecem, são as mais indicadas. Preto, azul-marinho, cobre e tweed são ideais. Evite cores muito diferentes ou tecidos com algum tipo de estampa, como listras. Elas acentuam a forma do corpo e você precisa justamente do contrário.

- No primeiro trimestre invista nas regatas para usar em baixo de blazer ou camisa, ou sozinhas, no verão. A regata de grávida é de coton, lycra ou suplex. A regata é um ótimo investimento no começo da gravidez, porque é uma peça que vai ser usada do primeiro ao último mês.

- Um truque para resolver o problema na fase de transição, é usar o elástico nas calças com um botão na frente. Com ele você pode adaptar o fecho à sua necessidade do momento.

- As peças com tecidos que se moldam mais ao corpo têm longo uso durante a gestação. Calças de nylon e lycra do tipo strech, ou que ficam presas à cintura com elástico são favoráveis à adaptação. Não chegam a ter o conforto das leggins, mas pelo menos são calças de verdade.

- Os vestidos tem longa vida! O que cai melhor é o vestido com corte império, aquele abaixo do busto.  Faz o que deve fazer, marca a medida que será fixa durante os meses de gravidez, é deixa espaço para o crescimento da barriga. Prefira o básico: cores sóbrias sempre.

- O primeiro item em que se deve investir é a lingerie. Há mulheres que mesmo antes de terem a confirmação da gravidez, já sentem o aumento dos seios. É preciso investir num sutiã confortável, bem firme, que dê sustentação aos seios. Aliás, vale lembrar que usar sutiã 24 horas por dia impede que os seios fiquem flácidos.

- A calcinha tem que seguir as regras do conforto, embora exista a especial para grávidas com um elástico muito mais delicado na cintura.

- Sapatos, bolsas, brincos e colares podem representar uma variação importante, e até mudar completamente o ar de uma mesma roupa. Mais do que nunca, durante a gravidez, os acessórios serão as estrelas do seu arsenal do bem-vestir.

veja também