Acne é o terror dos adolescentes?

Acne é o terror dos adolescentes?

Atualizado: Quinta-feira, 14 Janeiro de 2010 as 12

No title Áááááá!!! Justo hoje, ela tinha que aparecer! Maldita espinha....

Quantas vezes você não teve essa mesma reação de raiva e pavor quando se olhou no espelho logo pela manhã?

O terror da maioria dos adolescentes e de alguns adultos ataca sem avisar e nos força a utilizar vários truques para disfarçá-la. Mas quanta inconveniência, não é mesmo?

A acne, nome da doença que provoca o aparecimento dessas "erupções" (cravos e espinhas) na nossa pele, é causada pelo aumento da produção de sebo pelas glândulas sebáceas. Essa superatividade dessas glândulas acaba obstruindo o canal de saída da secreção (sebo), formando o que conhecemos como cravo (pode ser um ponto branco ou enegrecido). Essa concentração de sebo favorece a proliferação de algumas bactérias, que poderão causar uma inflamação do local, transformando um cravo discreto em uma espinha medonha. Se a inflamação persistir e se agravar, haverá o aparecimento de nódulos e cistos que produzem pus e sangramento.

Essa infecção atinge a pele de aproximadamente 80% dos adolescentes de ambos os sexos, dos 14 aos 17 anos para as meninas e dos 16 aos 19 anos para os meninos. As áreas mais atingidas são aquelas que possuem mais glândulas sebáceas, como o rosto, as costas e o peito. Além disso, essa doença pode se manter ou até iniciar-se na idade adulta, estando relacionada normalmente ao stress.

Mas porque ocorre um aumento da secreção das glândulas sebáceas?

Os principais responsáveis pela superprodução de sebo são os hormônios sexuais. Isso explica o aumento do aparecimento de espinhas e cravos na adolescência, época de alterações na produção desses hormônios.

Normalmente, após a turbulência da adolescência, o organismo se estabiliza novamente, alcançando um novo equilíbrio hormonal, diminuindo a produção de sebo pelas glândulas e consequentemente o aparecimento de cravos e espinhas. A persistência da acne na idade adulta pode indicar algum desequilíbrio hormonal, que pode ser causado pelo estresse.

O uso de alguns tipos de medicamentos (como a cortisona), cremes e cosméticos inadequados para a pele podem agravar ou estimular a acne.

Não é todo mundo que tem espinhas. Tem gente que atravessa a adolescência com a experiência de apenas um pequeno cravo na testa!! Porque será que existe essa diferença?

Pesquisas sobre a acne indicam que há uma forte influência de fatores genéticos no aparecimento de cravos e espinhas. Se o seu pai teve espinhas durante a adolescência, há grandes chances de você também possuí-las. É por isso que se aconselha a filhos de pessoas que tiveram acne a manterem-se atentas aos primeiros sinais da doença ainda no início da puberdade.

Agora, o que todos querem saber: é verdade que chocolate causa espinha?

Até alguns anos atrás, responsabilizava-se a ingestão de alguns alimentos, como o chocolate, o amendoim e as frituras, pelo aparecimento de cravos e espinhas. Hoje, os estudos mostram que esses alimentos têm pouca influência sobre a acne. Algumas pessoas ainda relacionam as duas coisas, mas cientificamente não há comprovação nenhuma. Como já disse, os vilões, principais responsáveis pela acne, são os hormônios e não os alimentos!

Comer um ovo de páscoa, normalmente não é suficiente para causar alterações hormonais capazes de aumentar a produção de sebo pelas glândulas.

Mas não é porque não há comprovação científica de que chocolates, amendoim e frituras causam espinhas, que você vai sair por aí se empanturrando dessas guloseimas!! Lembre-se que tudo em exagero faz mal para a saúde.

Não sei se você notou, mas algumas situações pioram o aparecimento de espinhas. A época das provas do colégio normalmente é caracterizada por um rosto que mais parece a superfície lunar. Qual é a relação entre as provas e a acne? Como se já não bastasse o nervosismo, a ansiedade e o cansaço de tanto ler e resolver exercícios! Espera aí! Nervosismo, ansiedade e cansaço, fazem parte de um quadro típico de estresse.

Lembra-se do que disse sobre espinhas em adultos? Elas aparecem devido a alterações hormonais causadas pelo estresse! Bingo! É o estresse das épocas de prova que promovem o aparecimento de cravos e espinhas, novamente devido às alterações hormonais. A solução é estudar sempre, um pouquinho por dia para não se desesperar e ficar estressado na época das avaliações.

As meninas, além das provas, atravessam mais uma época propícia para o surgimento da acne: os dias que antecedem a menstruação. A menstruação provoca mensalmente inúmeras alterações hormonais que podem causar um aumento da secreção das glândulas sebáceas. O resto da história você já conhece: o aparecimento de cravos e espinhas!

Meninas e meninos, não se desesperem!! Há soluções para esse problema!

Existem inúmeros tratamentos para quem já sofre dessa doença e procedimentos para evitá-la.

Lavar o rosto com sabonete, várias vezes ao dia, não evita o aparecimento de cravos e espinhas e pode aumentar a secreção das glândulas sebáceas, piorando o quadro.

Espremer cravos e espinhas também não é um bom hábito para quem quer se livrar da acne. Manipular as lesões pode piorar o processo inflamatório, aumentar a flora bacteriana, piorando a inflamação e favorecer o aparecimento de cicatrizes e manchas na pele. Por isso, nunca, nunca mesmo, esprema um cravo ou uma espinha.

Se você é mais uma vítima da acne, evite se automedicar e procure um médico dermatologista, pois ele é o profissional mais indicado para orientar o tratamento a ser seguido.

veja também