Aumente pequenos espaços dentro de casa

Aumente pequenos espaços dentro de casa

Atualizado: Segunda-feira, 10 Outubro de 2011 as 7:33

Apartamentos e casas pequenos são os mais procurados por solteiros e casais que levam um estilo de vida arrojado e não pretendem ter filhos tão cedo. Essa tendência de morar em um imóvel de um ou dois dormitórios ou um kitchenette já atrai, por exemplo, estudantes e idosos que, antes acostumados a morar com a família, agora optam por lugares práticos, aconchegantes e muitas vezes mais intimistas.

Ambientes menores do que os tradicionais requerem cuidados especiais para não parecerem entulhados, confusos e cada vez menos confortáveis. Aumentar pequenos espaços pode ser uma alternativa radical, se for feita por meio de uma reforma, ou uma mudança menos invasiva, por meio de detalhes que vão otimizar o ambiente, o clima e o convívio do lar. “Se for uma reforma grande, em que haverá demolições, trocas elétricas ou hidráulicas, o aconselhável é chamar um profissional. Caso haja a necessidade apenas de mudar a decoração, cada um pode fazer da sua maneira, garimpando novos objetos”, explica a designer de interiores Vanessa Trad.

O principal aspecto que faz diferença dentro de uma casa ou apartamento menos espaçoso é a sensação de claridade, pela tonalidade das paredes e profundidade do local. Para alterar a impressão visual e deixá-lo amplo e confortável, Vanessa  recomenda deixar o ambiente o mais claro possível, usando tons de branco, bege ou cinza claro nas paredes e no teto. “Os espelhos também são elementos fundamentais para ampliar os espaços, pois eles dão uma sensação de profundidade que nenhum outro material possui. A dica é colocá-los de frente para o menor lado do ambiente”, completa.        

Favorecer a luminosidade e profundidade do ambiente é uma condição que também se aplica à mobília. “Na hora da escolha dos móveis, opte pelos de menor profundidade, que ficarão mais elegantes e ocuparão menos espaço. Também há a opção de móveis com revestimento em espelho”, destaca Vanessa. Além do detalhe espelhado, que também é decorativo, o móvel ideal e que se adapte aos pequenos espaços deve ser multifuncional. “Existem mesas que podem servir tanto para fazer refeições quanto para escritórios”, completa. Esse tipo de mobília traz praticidade, pois se articula e reconfigura conforme a necessidade do morador.

Corredores e áreas arredondadas devem ser foco de atenção do morador de apartamentos e casas pequenas, pois sofrem o risco de ficar abandonados no ambiente e perder uma funcionalidade. Áreas arredondadas não são corriqueiras em espaços internos, mas podem ser encontradas em kitchenettes. “Essas áreas são complicadas, pois perdem muito espaço, então, o melhor é optar por móveis sob medida”, diz a designer.

Para aproveitar um espaço ocioso ou de passagem, como o corredor, a dica é embutir armários e brincar com a iluminação. “O armário embutido é uma ótima opção, de preferência com portas de correr e revestido em espelho. No corredor é legal utilizar uma iluminação no piso ou arandelas, que façam desenhos de luz na parede, chamando mais a atenção para esses itens do que para o tamanho do local. Luminárias de piso também são uma ótima opção. Não ocupam espaço e conferem um charme especial ao ambiente”, finaliza Vanessa.

veja também