Calendário conscientiza sobre o câncer de mama

Calendário conscientiza sobre o câncer de mama

Atualizado: Quarta-feira, 16 Abril de 2008 as 12

Todo o dia é dia de se conscientizar sobre o câncer de mama, já que a informação é uma das armas mais importantes no combate a essa doença. Pensando nisso, a Femama - Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama, lança pelo segundo ano consecutivo, o calendário "Mulher Consciente".

A versão 2008 conta com a participação de 12 mulheres que lutaram, e algumas delas ainda lutam, para vencer o câncer de mama. Engajadas no ideal de combater a doença, elas decidiram mostrar o rosto e dizer para o mundo que "Saber é transformar a realidade", esta que é a principal mensagem do calendário para este ano

O calendário é uma das iniciativas da Campanha Mulher Consciente, que teve início em 2006. A principal meta é mobilizar o maior número de pessoas em prol de uma nobre causa: promover a conscientização diária com relação à luta contra o câncer de mama. Além disso, chamar a atenção para um dos tipos de câncer de mama mais agressivos, o HER2 positivo, informando a importância do diagnóstico precoce.

O calendário reúne imagens de pacientes com câncer de mama que aceitaram participar da campanha para colaborar e desmistificar a doença, mostrando que uma postura positiva frente ao diagnóstico pode ser determinante para o sucesso do tratamento.

É o caso de Ieda Maria Franzen Meurer, de Porto Alegre, uma das pacientes participantes do projeto versão 2008. Ela descobriu que tinha um dos tipos mais agressivos de câncer de mama - o Her2 positivo - ao mesmo tempo em que recebeu a notícia que estava grávida. Iniciou o tratamento após o parto. Sua filha tem três anos e quatro meses e se chama Vitória. Hoje, com 37 anos, só faz acompanhamento médico.

"Foi uma situação muito difícil. Lutei por 10 anos para engravidar. Quando recebi as duas notícias, foi um choque. Mas me sentia muito mais segura ao saber da existência do tratamento direcionado para o meu caso. O diagnóstico precoce e acertado foi um diferencial para meu tratamento", conta Ieda.

No Brasil, de acordo com dados do INCa - Instituto Nacional do Câncer, 27 mil mulheres morrem por dia, com câncer de mama. Cerca de 130 novos casos de câncer de mama são diagnosticados diariamente, o que representa cerca de cinco novos casos por hora.

Os calendários serão vendidos por ONG´s associadas à Femama, distribuídas em todo o Brasil. O valor sugerido é de R$ 10,00. Mais informações pelos sites: www.femama.org.br ou www.mulherconsciente.com.br .

veja também