Campanha para doação de leite materno

Campanha para doação de leite materno

Atualizado: Quarta-feira, 12 Março de 2008 as 12

A Secretaria de Estado da Saúde iniciou nesta terça-feira, 11 de março, uma campanha para reforçar a doação de leite materno e aumentar o número de doadoras nos Bancos de Leite do Estado. Atualmente, há leite humano estocado para atender a demanda de consumo de apenas um mês quando o ideal é que haja leite materno o suficiente para até quatro meses de utilização.

Os bancos paulistas coletam, em média, 1,5 mil litros de leite por mês, o que é insuficiente para atender à demanda. O ideal seria o dobro dessa quantidade.

As mulheres em período de amamentação podem doar o leite excedente em 50 centros especializados no Estado. O leite humano, além de auxiliar no desenvolvimento infantil, beneficia também a mãe doadora, que perde peso mais rapidamente, além de ter reduzido o risco de câncer de mama e ovários e de osteoporose.

Todo leite humano que é doado, passa por um processo de pasteurização, é submetido a controles de qualidade e distribuído aos recém-nascidos prematuros e outros bebês que são clinicamente impossibilitados de receber leite do seio materno.

Em razão das propriedades nutricionais e imunológicas do leite, a recuperação e desenvolvimento desses recém-nascidos ocorre mais rapidamente.

Para doar basta ir até um Banco de Leite Humano ou entrar em contato com o Centro de Referência de São Paulo, pelo telefone (11) 6693-4736.

veja também