Casamento não é a solução para os seus problemas

Casamento não é a solução para os seus problemas

Atualizado: Quinta-feira, 17 Abril de 2008 as 12

Infelizmente muitas pessoas depositam no casamento a expectativa irreal de que ele seria a solução para frustrações, ansiedades, carências, desencantos e toda a sorte de tristezas da vida.

Existem pessoas que querem se casar, pois acham que ao fazê-lo, tornar-se-ão felizes. Em primeiro lugar, é preciso esclarecer que o casamento não é passaporte para a felicidade de ninguém, já que, em alguns casos, a união leva exatamente ao caminho oposto dela. Ninguém deve se casar para ser feliz.

O casamento ideal parte do pressuposto de que duas pessoas felizes e realizadas em suas vidas de solteiro, encontrem o parceiro ideal e, baseado no mais profundo amor e afinidade, unam-se em casamento para, então, compartilharem a felicidade em família.

Iludidos por romances e telenovelas que têm sua cena final emoldurada no altar, muitos jovens têm a visão errônea de que o casamento é um "acontecimento mágico" que resulta em felicidade instantânea. Mas é preciso que o casal reflita sobre o que acontece depois do "sim".  Afinal, como seria o dia-a-dia de Cinderela e Branca de Neve se a estória não terminasse no dia das bodas?

A Bíblia nos mostra que até casais comprometidos com Deus, como Abraão e Sara tiveram problemas conjugais. A diferença no casamento cristão é que a solução deve ser baseada não nos interesses próprios, mas sim no bem comum, na edificação do lar e no cumprimento dos preceitos estabelecidos pelo Senhor.

Conto de fadas só existem em livros e, no mundo real, as coisas são bem diferentes deles. Algumas pessoas muito acostumadas com os romances das novelas e dos filmes, que apresentam relacionamentos totalmente descomprometidos com a Palavra de Deus, onde pessoas se casam, mulheres engravidam e se separam com a mesma naturalidade de quem troca de roupas, pensam que na vida real é assim.

Deus criou o casamento para ser uma benção, mas Ele só tem compromisso de abençoar aqueles que têm compromisso com Ele e, que como tal, fazem as coisas de acordo com a vontade d’Ele.

O cristão sabe por experiência própria que Jesus é a solução para todas as coisas: frustrações, mágoas, cicatrizes, feridas, felicidade, realização, tudo e todas as coisas que compõem os anseios do coração do homem, somente Jesus pode satisfazer, portanto, o casamento só se torna viável quando há amor verdadeiro, afinidades com o propósito de amar e fazer o outro mais feliz, a fim de constituir uma nova família dirigida pelo Senhor, porque isso também O torna feliz.

Luciano Avelino é pastor e teólogo. Juntamente com sua esposa, Myrian Rosário, atua no ministério de aconselhamento de casais, noivos, jovens e adolescentes.

 

veja também