Casar por amizade

Casar por amizade

Atualizado: Segunda-feira, 11 Janeiro de 2010 as 12

Uma das decisões mais importantes que uma pessoa faz em sua vida é a escolha de um cônjuge. É preciso entender que a pessoa escolhida será aquela com quem se vai viver por toda uma vida.

Somente por amor é possível suportar todas as coisas. Quando não existe amor real entre um casal, não há prazer ou disposição para sacrificar ou ceder. Isso porque amar implica ter uma série de atitudes; e passar por cima de inúmeras falhas pode ser a maior delas. Fidelidade é um dos grandes trunfos de um casamento vitorioso; isso compreende lealdade e firmeza nas afeições.

Os sentimentos de um casal que pretende subir ao altar não podem ser somente o de uma grande amizade. É preciso ter a certeza de que a pessoa lhe agrada também fisicamente. A escolha certa depende da aprovação de um conjunto de coisas. Se o rapaz ou a moça pensa amar seu futuro cônjuge, mas diante de um beijo de amor ou de uma troca de olhares se sente incomodado, o melhor a fazer é avaliar que tipo de relação há entre os dois.

É preciso haver mais que isso! O casal de noivos precisa entender que uma vida de casados compreende intimidade, e uma má escolha pode destruir a vida sentimental de ambos.

É certo que o amor cresce com o passar do tempo, quando o casal se propõe a plantar mutuamente. Mas é preciso que haja entre os noivos o que muitos chamam de "química". Que nada mais é do que o amor de um homem por uma mulher e vice-versa.

O amor é a base de qualquer relacionamento verdadeiro. Nada sobrevive sem ele, até os sentimentos mais nobres se curvam diante da perfeição do amor.

A inteligência sem amor gera perversidade, a justiça sem amor gera inflexibilidade, a diplomacia sem amor gera hipocrisia, o êxito sem amor gera arrogância, a riqueza sem amor gera avareza, a docilidade sem amor gera servilismo, a pobreza sem amor gera orgulho, a beleza sem amor torna o homem ridículo, a autoridade sem amor gera tirania, o trabalho sem amor gera escravidão, a simplicidade sem amor deprecia o caráter do homem, uma oração sem amor gera introversão, a lei sem amor escraviza, a política sem amor gera egoísmo, a fé sem amor gera fanatismo, a cruz sem amor se converte em tortura. Dessa forma, a vida sem amor simplesmente não tem sentido.

por Nilbe Shlishia

veja também