Como curtir a vida e gastar pouco

Como curtir a vida e gastar pouco

Atualizado: Quinta-feira, 28 Abril de 2011 as 11:17

Corte de custos, falência, programa de demissão voluntária... Há quem diga que o pior já passou, mas, já que não dá para controlar a economia mundial, o jeito é se preparar caso a sua renda venha a cair. Calma, isso não significa que você terá que entrar em contenção total de gastos. Como sabemos que é praticamente impossível resistir àquele par incrível de sapatilhas, conversamos com os melhores consultores e montamos um guia de sobrevivência econômica para a mulher de NOVA. A partir de agora, seu cartão de crédito vai virar um fundo de investimentos.  

Casal rico, rico, rico!  

É só começar a namorar para o salário desaparecer da conta-corrente. Também, são tantos jantares, cinemas, sorvetes, motéis, presentinhos... Em vez de gastar rios de dinheiro todo mês para ficar grudada no seu amor, invista em programas românticos, sexy e... praticamente de graça!  

Mergulho cultural  

No museu, você e seu querido podem aprender sobre arte, lembrar histórias do colégio e passear de mãos dadas enquanto olham as telas. Tudo isso pagando pouco. Ou nada, dependendo da exposição.

Mestres-cucas  

Você e o lindo podem dividir o comando do fogão em vez de jantar no restaurante. Além de economizar, vão perceber que a culinária pode ser sensual - ainda mais quando aproveitamos para namorar enquanto esperamos o risoto cozinhar.  

Amor aos livros  

Livrarias costumam fazer apresentações grátis durante a semana. Tem de tudo: palestras, pocket shows, debates... Ótima chance para aprender ao lado de quem você mais gosta - e ainda ficar por dentro dos lançamentos de livros.  

No palco  

Cansou do cinema? Teatro é ótimo programa para dois. Cursos de artes cênicas normalmente oferecem apresentações gratuitas ou com valor simbólico. Vale a pena conferir nos sites das faculdades de sua região.  

Batom pooode!  

Estudos mostram que, em momentos de oscilação e crise na economia, a venda desse cosmético essencial sobe. Isso porque o item é um mimo barato que podemos nos dar, principalmente se estamos desanimadas.  

Vida de princesa, salário de plebeia  

O desemprego é seu maior pesadelo? Caso aconteça, é possível sobreviver bem à crise, principalmente se colocar em prática estas três regrinhas de ouro enquanto está empregada.  

Ter um pé-de-meia  

Guardar pelo menos 10 reais por semana ajuda e muito em um momento de dificuldade financeira. Peça para seu gerente do banco ajudá-la a investir a grana em algo que não fique pendurado no seu guarda-roupa.  

Ser funcionária-modelo  

Tente se tornar indispensável no trabalho participando de projetos e trazendo novas ideias... No fim, você pode até ser demitida por corte de custos, mas terá mais competência para se recolocar.   Brechó online  

Todo mundo tem pelo menos uma peça de roupa que nunca usa. Em vez de deixá-la na gaveta, tire fotos e anuncie na internet. Quando aparecer uma compradora, é dar o número da sua conta e despachá-la pelo correio.  

Dog-walker e pet-sitter  

Você pode faturar de 10 a 20 reais só para dar uma volta no quarteirão com o cachorro da vizinha. Ela vai viajar? Cobre 50 reais por dia para ficar com o peludo. Só não vale se você for alérgica a pelos ou odiar animais.  

Aulas particulares  

Lembra-se daquela matéria que você adorava na escola? Ela pode dar algum retorno financeiro. Espalhe panfletos no seu prédio e avise os amigos que começou a dar aulas de línguas, matemática, química...  

Pitada de açúcar  

Como ninguém resiste a um docinho, use a tentação para incrementar sua renda. Pode ser desde o simples brigadeiro até receitas um pouco mais sofisticadas, como minitortinhas, dependendo da habilidade.     Vilão - Baladas  

Preço: nas capitais, no mínimo 50 reais  

Truque - Optar por lugares que não cobram entrada ou chegar mais cedo, quando o preço costuma ser menor. Economia anual de: 2 600 reais se sair apenas uma vez por semana.  

Vilão - Hora na depilação  

Preço: 70 reais  

Truque - Investir em aparelhos depilatórios, que custam cerca de 150 reais e duram anos. Eles têm um sistema automático de pinças, o que retarda o crescimento dos pelos, e ainda dá independência para depilar quando e onde quiser. Economia anual de: 840 reais.  

Vilão - Caipirinha da happy hour  

Preço: 15 reais  

Truque - Dividir uma garrafa de vodca com os amigos. O litro custa cerca de 30 reais e rende muuuitos copos. De quebra, podem se divertir bancando os barmen. Com certeza, renderá boas risadas. Economia anual de: cerca de 750 reais.  

Vilão - Cafezinho após o almoço  

Preço: em média, 2 reais  

Truque - Fazer seu próprio café. Se precisar comprar uma cafeteira, há modelos por 50 reais - menos do que você gastaria por mês bebendo uma xícara no restaurante ou lanchonete. Economia anual: 700 reais.

2 questões de etiqueta financeira resolvidas P. Minha amiga planejou comemorar o aniversário em uma balada cara e que, neste momento, pesaria demais no meu bolso. Posso recusar o convite? Como?  

Valéria, RJ  

R. Sim. Ela se sentirá menos mal se souber que você não irá apenas por motivos financeiros, e não por qualquer problema na amizade. Explique que está apertada este mês, mas que gostaria de brindar a data em um barzinho antes de ela cair na noite.  

P. O pessoal do escritório está fazendo uma vaquinha para comprar um presente de casamento para um colega, mas planejam gastar mais do que eu posso pagar. O que fazer?  

Mariana, SP  

R. Desculpe-se e diga que já tinha pensado em outro presente. Dessa forma, não precisa se explicar e pode comprar algo que esteja dentro do orçamento. Se eles perguntarem o que você vai dar, diga que é surpresa!    

veja também