Como financiar os estudos do seu filho

Como financiar os estudos do seu filho

Atualizado: Quarta-feira, 27 Janeiro de 2010 as 12

A mensalidade de uma boa universidade particular chega a R$ 1 mil - são R$ 48 mil em quatro anos! Para não se apertar, comece a poupar o mais cedo possível. ''Quanto antes você iniciar a economia para pagar os estudos do seu filho, menor será o investimento por mês e mais vantajoso será'', sugere a educadora financeira Alessandra Bonafé, autora de Ter ou Não Ter (ed. AB&V). No livro, a especialista dá dicas de como poupar esse dinheiro. Confira, nos próximos slides, as orientações de Alessandra para garantir que seu filho faça uma boa faculdade - custe o que custar!

Tesouro direto

É a aplicação mais segura, porque você sabe exatamente quanto receberá no resgate. Quem acabou de ter filho e adquire um título que vence em 2024, por exemplo, pode aplicar R$ 130 por mês para sacar mais de R$ 50 mil no final, já descontado o Imposto de Renda. Se fizer um investimento para daqui a oito anos, precisará depositar R$ 360 por mês para chegar aos R$ 50 mil.

Poupança

Não há taxas nem Imposto de Renda. Quem deposita R$ 160 mensais acumula R$ 51 mil em 15 anos. Se o investimento for de oito anos, você sacará o mesmo com R$ 400 ao mês.

Empréstimos

Cada banco tem taxas e benefícios específicos. Informe-se com o gerente. Se na sua empresa houver crédito consignado, escolha esse tipo de empréstimo - ele tem as menores taxas.

Financiamentos

Bolsas de estudos e sistema privado de crédito ajudam a diminuir, parcelar e até zerar o valor das mensalidades

Fies

É oferecido pelo governo via Caixa Econômica Federal. Permite financiar mensalidade e cobra juros conforme o curso escolhido. É possível usar o FGTS para pagar as parcelas, que são trimestrais. A seleção se dá pela nota no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) e por critérios socioeconômicos.

ProUni

É destinado a famílias que não têm como arcar com os gastos da faculdade. Concede bolsas que podem chegar ao valor total das mensalidades. O candidato precisa ter estudado na rede pública e alcançar pelo menos 45 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Pravaler

Trata-se de um programa privado de crédito universitário. Permite parcelar as mensalidades e ganhar um prazo maior para quitar a dívida. Mais informações no site www.creditopravaler.com.br.

Por Mariana Viktor

veja também