Consumidores compram 125% mais itens no mercado do que planejado

Consumidores compram 125% mais itens no mercado do que planejado

Atualizado: Quinta-feira, 7 Outubro de 2010 as 3:06

Por mais que tente comprar poucos itens quando vai ao supermercado, o brasileiro acaba levando 125% mais produtos do que o planejado. De acordo com a pesquisa "O Comportamento do Consumidor em Super e Hipermercados", divulgada nesta quinta-feira, 7, pelo Popai Brasil, enquanto planejam comprar cerca de 3,5 itens, os consumidores só saem do ponto-de-venda com, em média, 7,9 itens.

Demonstrando evolução em relação aos últimos levantamentos, cerca de 76% das compras são decididas nas lojas. Este índice era de 85% em 1998 e caiu para 81% em 2004. Os produtos que os 1.860 consumidores entrevistados mais planejam antes de comprar são o arroz (44%), sabão e carnes (42%), refrigerantes, frutas, legumes, verdura e café (40%), cerveja (38%), pão de forma (35%) e detergente (34%).

Na outra ponta do carrinho, aqueles produtos que os consumidores mais compram por impulso são salgadinhos, sementes torradas e frutas cristalizadas (83%), cereais matinais (81%) e vestuário (80%).

Embora excedam a lista de compras na maioria das vezes, o valor da fatura permanece o mesmo ao fim da ida ao supermercado, aponta o Popai. "Isso demonstra que o brasileiro está mais consciente e tem um forte planejamento para despesa. O valor planejado acaba orientando a compra efetiva", avalia Wook Min.

Homem vai mais às compras

A presença masculina nos pontos de venda aumentou. Os homens já são 32% dos compradores deste canal. Eles já foram 23% em 2004, depois de representaram apenas 16% em 1998.

Por mais que tente comprar poucos itens quando vai ao supermercado, o brasileiro acaba levando 125% mais produtos do que o planejado. De acordo com a pesquisa "O Comportamento do Consumidor em Super e Hipermercados", divulgada nesta quinta-feira, 7, pelo Popai Brasil, enquanto planejam comprar cerca de 3,5 itens, os consumidores só saem do ponto-de-venda com, em média, 7,9 itens.

Demonstrando evolução em relação aos últimos levantamentos, cerca de 76% das compras são decididas nas lojas. Este índice era de 85% em 1998 e caiu para 81% em 2004. Os produtos que os 1.860 consumidores entrevistados mais planejam antes de comprar são o arroz (44%), sabão e carnes (42%), refrigerantes, frutas, legumes, verdura e café (40%), cerveja (38%), pão de forma (35%) e detergente (34%).

Na outra ponta do carrinho, aqueles produtos que os consumidores mais compram por impulso são salgadinhos, sementes torradas e frutas cristalizadas (83%), cereais matinais (81%) e vestuário (80%).

Embora excedam a lista de compras na maioria das vezes, o valor da fatura permanece o mesmo ao fim da ida ao supermercado, aponta o Popai. "Isso demonstra que o brasileiro está mais consciente e tem um forte planejamento para despesa. O valor planejado acaba orientando a compra efetiva", avalia Wook Min.

Homem vai mais às compras

A presença masculina nos pontos de venda aumentou. Os homens já são 32% dos compradores deste canal. Eles já foram 23% em 2004, depois de representaram apenas 16% em 1998.

veja também