Cuidado com o olhar 43...

Cuidado com o olhar 43...

Atualizado: Segunda-feira, 22 Fevereiro de 2010 as 12

No title Já ouvi alguém dizer que "os olhos são as janelas da alma", que permitem muitas vezes a interação daquilo que o mundo nos mostra com aquilo que o nosso coração deseja ver ou possuir.

Foi numa tarde comum, após a tão valorizada sesta, que o mais famoso Rei de Israel, de nome Davi, tropeçou pelo olhar, mesmo sendo um homem temente a Deus.

A ociosidade daquele momento deu um empurrãozinho fazendo-o utilizar o veículo do olhar de maneira destrutiva, ao cobiçar a mulher alheia (de nome Bate-Seba), cujo marido, de nome Urias, estava em guerra, defendendo a nação e o nome do seu comandante (o próprio Rei!).

E o que constatamos foi a prática de uma sucessão de pecados: lascívia, adultério, mentira, dissimulação e assassinato.

Por falta de espaço, sugiro a leitura dos Capítulos 11 e 12 do Segundo Livro do Profeta Samuel.

Para quem já leu estes capítulos bíblicos, o adultério praticado culminou numa gravidez inesperada de Bate-Seba, causando um total desnorteamento em Davi, já que o comandante Urias, que estava em guerra, em defesa do povo e do próprio Rei, não havia tido um contato íntimo com a esposa há muito tempo, o que faria da gravidez um grande escândalo. Por esta razão, Davi arquitetou um plano para tentar encobrir o seu delito, mandando trazer de imediato o esposo de Bate-Seba da guerra.

Todavia, Davi não teve êxito no seu plano inicial, já que Urias, embora tendo voltado para a sua terra, não manteve contato íntimo com Bate-Seba (leia 2 Samuel 11:8-13)

Depois disto, ainda cego pelo pecado, Davi arquitetou um plano ainda pior:

"E sucedeu que pela manhã Davi escreveu uma carta a Joabe; e mandou-lha por mão de Urias. Escreveu na carta, dizendo: Ponde a Urias na frente da maior força da peleja; e retirai-vos de detrás dele, para que seja ferido e morra" (2 Samuel 11:14-15)

O resultado desta trágica situação teve um final amargo, tendo Deus convocado o Profeta Natã para anunciar ao Rei Davi as seguintes Palavras:

"... Assim diz o Senhor Deus de Israel: Eu te ungi rei sobre Israel, livrei-te da mão de Saul, e te dei a casa de teu senhor, e as mulheres de teu senhor em teu seio; também te dei a casa de Israel e de Judá. E se isso fosse pouco, te acrescentaria outro tanto. Por que desprezaste a palavra do Senhor, fazendo o mal diante de seus olhos? A Urias, o heteu, mataste à espada, e a sua mulher tomaste para ser tua mulher; sim, a ele mataste com a espada dos amonitas. Agora, pois, a espada jamais se apartará da tua casa, porquanto me desprezaste, e tomaste a mulher de Urias, o heteu, para ser tua mulher" (2 Samuel 12:7-10) 

Do ponto de vista espiritual, por conta do arrependimento, ao menos Davi teve a certeza de que Deus o perdoou, apesar dos castigos que decorreram em função dos pecados praticados:

"Então disse Davi a Natã: Pequei contra o Senhor. Tornou Natã a Davi: Também o Senhor perdoou o teu pecado; não morreras. Todavia, porquanto com este feito deste lugar a que os inimigos do Senhor blasfemem, o filho que te nasceu certamente morrerá. Então Natã foi para sua casa. Depois o Senhor feriu a criança que a mulher de Urias dera a Davi, de sorte que adoeceu gravemente" (2 Samuel 12:13-15)

Portanto, não negligenciemos as seguintes Palavras proferidas pelo Senhor Jesus: "A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz. Se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas !" (Mateus 6:22-23).

E tenhamos como réprobas as palavras levianas daqueles que tentam perverter os ensinos bíblicos. Como exemplo, cito abaixo um trecho de uma conhecida música, de conteúdo mundano, que fez muito sucesso na década de 80/90, através do grupo musical RPM:

"Olhar 43"

Composição: Paulo Ricardo / Luís Schiavon

Seu corpo é fruto proibido

É a chave de todo pecado

E da libido

E prum garoto introvertido

Como Eu! É a pura perdição

É um lago negro o seu olhar

É água turva de beber

Se envenenar

Nas suas curvas derrapar

Sair da estrada

Morrer no mar (no mar!)

É perigoso o seu sorriso

É um sorriso assim jocoso

Impreciso, diria misterioso

Indecifrável, riso de mulher...

Não sei se é caça ou caçadora

Se é Diana ou Afrodite

Ou se é Brigite

Stephanie de Mônaco

Aqui estou!

Inteiro ao seu dispor(Princesa!)

Por: Fernando Sampaio

Recife - PE

veja também