Dicas para as mamães de primeira viagem

Dicas para as mamães de primeira viagem

Atualizado: Sexta-feira, 24 Abril de 2009 as 12

Muitas mães ainda não tem experiência prática, pois estão na sua primeira gestação, por isto segue abaixo algumas dicas úteis para ajuda-las com alguns do erros e dúvidas comuns que vocês provavelmente vão passar depois que o bebê nascer:

1) Tudo tem que estar esterilizado até que o bebê faça 1 ano:

É certo que uma boa higiene é fundamental nos bebês, principalmente nas primeiras semanas, mais não tem que fazer disso um obsessão. O ser humano tem um sistema imunológico que o protege da maioria dos germes.

O que se tem que fazer é tentar que os objetos estejam limpos para que o bebê entre em contato com um número determinados de bactérias e lhe ajude a desenvolver suas próprias defesas, mais não o suficiente para que provoque uma doença. Outra coisa bem diferente são para os bebês prematuros, que precisam de um cuidado adicional.

2) Melhor bem agasalhado:

Abrigar demais, pode causar aumento no risco de asfixia e morte súbita. Podemos saber se ele tem frio, se o peitinho está mais frio que de costume.

3) Não fazer barulho na casa, para que ele durma mais tempo:

O bebê deve ver a luz do sol e habituar aos ruidos cotidianos da casa até os cochilos de tarde para saber quando é de dia. Até porque se existe um silêncio absoluto quando o bebê dorme, ocorre que qualquer barulho por mínimo que seja, ele assustará aind amais e ficará em alerta.

4) Tem que dar banho no bebê todos os dias:

Não é que seja um erro propriamente dito, mais hoje em dia muitos pediatras asseguram que dar banho 3 vezes na semana já é o suficiente. Mais ainda, no caso de quem sofre de dermatite atópica, que deixa a pele ainda mais sensível e seca.

5) Tem que rapar o cabelo do bebê para que o cabelo cresça com mais força:

Não é verdade. Não deixem fazer isto com o seu coitadinho. Cabelo é para proteger um pouco mais.

6) Não deixar que ninguém toque no seu filho ou coloque ele no colo:

Não é educado, se alguém pedir pra pegar seu filho e você der um sonoro não pra ele.

Só logicamente não deixe seus bebês pertos de alguém que esteja tenha alguma doença contagiosa, e sempre é bom ter um vidrinho de alcool e pedir para a pessoa limpar a mão antes, ainda mais se a pessoa vier da rua. Higiene básica não faz mal para ninguém.

7) Trocar de peito antes que ele termine de mamar:

O leite do final é o que mais alimenta e sacia, porque tem mais gordura que o do princípio. Para ter um lactância adequada deve mamar em ambos peitos.

8) Acostumar o bebê a dormir na cama com os papais:

Trata-se de um assunto polêmico, mas não é o ideal porque sempre existe o risco de um dos dois se virar dormindpor cima do bebê e machuca-lo para não dizer asfixiá-lo.

9) Sempre se fazer de forte ou super mãe:

Cuidado com nossos filhos demandam um enorme esforço fisico, mental e emocional. Por isto é normal que existam periodos em que esta mais cansada e que não vai dar conta de tudo sozinha. Importante admitir nossas limitações, reconhecer que estamos cansadas e que cuidar de bebê é mais difícil que imaginava por causa da nossa inexperiência. Importante ainda sermos capazes de pedir ajuda quando uma situação sai do controle, isto tudo ajuda a superar a situação e não nos faz mais fracas, ao contrario demonstra que somos humanas e sobre tudo sensatas.

veja também