Dicas para domir bem

Dicas para domir bem

Atualizado: Quarta-feira, 27 Julho de 2011 as 9:41

Quem já passou uma noite se revirando na cama em busca do sono perdido sabe que essas horas custam a passar e que o dia seguinte será longo e cansativo.

Dormir mal é mais comum do que se pode imaginar. Cerca de um terço da população brasileira sofre com os distúrbios do sono. Dores de cabeça pela manhã, sonolência excessiva durante o dia, perda e redução de memória, dificuldade de concentração, alteração de humor e predisposição a outras doenças são alguns dos inconvenientes que uma noite mal dormida pode acarretar.

De acordo com o especialista em distrúrbios do sono, Prof. Dr. Luis Vicente Franco Oliveira, os profissionais que trabalham no período da noite são os mais expostos a essas consequências. "Nosso relógio biológico está preparado para trabalhar de dia e descansar à noite. Com a cidade acordada, o barulho e as luzes dificultam o relaxamento completo e ao longo do tempo esse cansaço acumulado causa danos à saúde", explica.

O professor observa que não havendo um distúrbio comprovado que impeça o paciente de dormir, alguns cuidados simples podem garantir uma noite tranquila de sono. "Café, coca-cola e chá mate não devem ser consumidos à noite. A refeição também deve ser leve e os exercícios físicos não são recomendados antes de dormir", aconselha. De acordo com o professor quando se pratica exercícios físicos, se assiste a um filme de suspense e ou ingere bebidas alcoólicas, a adrenalina demora a voltar ao normal impedindo que o organismo relaxe.

Segundo o professor também não é adequado estudar ou fazer as refeições na cama. "O quarto tem de ser um lugar silencioso e tranquilo que nos possibilite descansar. A televisão também costuma ser um problema, principalmente quando um dos cônjuges tem o hábito de assistir até altas horas, sem respeitar o sono do companheiro", adverte.

Mas há pacientes que sofrem de distúrbios que precisam ser tratados, a exemplo do Bruxismo do Sono, da Apnéia Obstrutiva do Sono, do Ronco Primário, da Apnéia Central do Sono, da Respiração de Cheyne Stokes, da Síndrome da Hipoventilação, entre outros. Nestes casos, o paciente precisa fazer o diagnóstico numa clínica especializada para ser encaminhado ao tratamento adequado.

A Universidade Nove de Julho (UNINOVE) realiza o exame e o acompanhamento gratuitamente, mas os pacientes precisam passar por uma triagem. O agendamento deve ser feito pelo tel.                 (11) 3665-9325         .

Como é feito o estudo do sono?

É necessário que o paciente durma uma noite em um quarto/laboratório totalmente preparado para a realização da polissonografia, um exame que monitora as ondas cerebrais, os batimentos cardíacos, a função respiratória, o movimento dos olhos, da cabeça, dos músculos da face, das pernas e do corpo.

Laboratório do Sono - UNINOVE

Onde: Av. Francisco Matarazo, 612, Água Branca, São Paulo

Quando: segunda a sexta feira

Horário: 9 às 19h

Informações:                   (11) 3665-9325        

Gratuito

veja também