Enfrentando momentos difíceis

Enfrentando momentos difíceis

Atualizado: Quinta-feira, 29 Abril de 2010 as 5:25

Todo casal costuma ter seus altos e baixos. Você sabe o que fazer para superar os momentos de crise? Mesmo quando você pensa que tudo está bem, às vezes pode não estar e é aí que entra a sua fé. Pode parecer repetitivo, mas uma boa conversa é capaz de salvar relacionamentos do fracasso. Seja no namoro ou casamento, o importante é manter o diálogo por mais que isso pareça chato. Muitos costumam culpar a vida profissional, por exemplo, para justificar o distanciamento, a frieza, a falta de carinho e de tempo.

O trabalho não deve ser visto como um problema, mas sim um meio pelo qual um indivíduo conseguirá alcançar seus objetivos através do seu ofício. Conciliar a relação com o trabalho não é uma tarefa fácil, porém não é impossível.

Segundo o bispo Natal Furucho, autor do livro "Como ser bem-sucedido na vida profissional", aqueles que se esforçam na profissão não são desamparados por Deus. "O cristão fiel e inteligente terá maiores chances de vencer os obstáculos vindouros. Por isso, espero motivá-los a seguirem adiante, pois Deus não desampara quem se esforça e abençoa os que O temem: ‘Bem-aventurado aquele que teme ao Senhor e anda nos seus caminhos! Do trabalho de tuas mãos comerás, feliz serás e tudo te irá bem.’ (Salmos 128.1,2)" Ou seja, você nunca estará desamparada por Deus e esta aliança com Ele fará com que você tome as atitudes corretas.

Durante o namoro, conheça bem o seu companheiro

O namoro é uma fase de grande envolvimento do casal. Há muita paixão, gestos carinhosos, declarações de amor, mas será que isso continua com o tempo? O ideal seria que essas características não desaparecessem, mas isso vai depender do empenho de cada um para manter a chama sempre acesa.

É nesta fase que você vai começar a conhecer o seu companheiro e futuro esposo. Faça um balanço dos pontos positivos e negativos e leve em consideração também que ninguém é perfeito. Outro fator importante é não deixar que os sentimentos controlem a sua vida, como ciúmes, desconfiança.

Ester Bezerra, autora do livro "Finas Joias", enfatiza essa ideia, diferenciando a mulher sábia da insensata. "A mulher insensata permite que os sentimentos controlem a sua vida, aniquilando qualquer vestígio de fé. As suas emoções falam alto ao seu coração, a ponto de confundir o seu raciocínio, fazendo o certo parecer-lhe errado", diz Ester.

Preparativos para o noivado

Vocês estão começando a se preparar para subir ao altar e já estão muito mais próximos. É o momento de decidir se este é o homem com quem você quer viver para sempre. Portanto, faça os preparativos para o grande dia com calma e reflita sobre a nova vida que está por vir. Quais as suas expectativas, se é isso mesmo que você quer, e não tenha medo de ser feliz. Se tiverem uma base sólida, estarão prontos para a próxima etapa.

Plenitude no casamento

Agora é a hora de curtir a vida sob o mesmo teto. Dividir as responsabilidades, pagar as contas, trabalhar, estudar, sair para se divertir. E não é porque você está cheia de tarefas que vai descuidar do seu companheiro. Saiam para jantar, façam programas culturais como ir a teatro ou a museu, afinal, o romantismo deve continuar.

A escritora Ester diz ainda que a vida a dois não vai ser um mar de rosas, mas a felicidade depende de vocês. "O fato de vocês pertencerem a Deus não significa que o seu casamento será um ‘mar de rosas’, pois isto depende de inúmeros fatores, envolvendo atitudes e comportamento. Para que você seja feliz de verdade precisa ter o Espírito Santo como aquela coluna que guiava os israelitas no deserto, para guiá-la rumo à realização dos seus sonhos. O Espírito de Deus é o nosso Guia", diz a escritora.

Colaborou Aline Oliveira

veja também