Grávida usa o Facebook para escolher o nome da filha

Grávida usa o Facebook para escolher o nome da filha

Atualizado: Quinta-feira, 2 Dezembro de 2010 as 1:31

Até que ponto uma rede social tem influência na sua vida? Na de Rommy Alpinelli, canadense de 34 anos, a internet é mais do que uma ferramenta. Indecisa sobre qual nome escolher para a filha, ela decidiu levar a dúvida ao Facebook: por meio de uma enquete, os usuários da rede poderão votar em seus nomes preferidos e o mais votado será dado à menina. Segundo Rommy, essa decisão foi tomada porque ela não consegue encontrar o nome perfeito para a filha. "Só quero um que não seja super comum", disse à revista Parenting.

A história toda começou quando Rommy contou seu dilema a uma amigo que trabalha num site de compras coletivas, o FabFind. Ele, então, levou aos seus chefes o caso e chegou a um acordo: se a mulher realmente permitir que o nome escolhido no Facebook seja o dado à sua filha, ela receberá um ano de ofertas grátis, o que equivale a um valor de US$ 40 mil dólares, aproximadamente R$ 68 mil reais. A empresa também é a responsável pelo aplicativo que foi criado especialmente para os internautas sugerirem nomes e votar nos favoritos.

Neste momento, mais de 2.400 votos já foram computados e os nomes que estão em primeiro e segundo lugar são, respectivamente, Aria e Onyx. E não é só Rommy quem vai sair ganhando: a pessoa que enviou o nome mais votado também terá direito a 25 mil pontos para resgatar em ofertas do FabFind. Já pensou se a moda pega?

veja também