Greve entre casais

Greve entre casais

Atualizado: Quarta-feira, 13 Outubro de 2010 as 3:02

Que tipo de greve acontece entre os casais?

De dois tipos basicamente:

Greve de palavras - os homens são especialistas.

Greve de sexo - as mulheres se superam sempre.

Os homens de modo geral têm muita dificuldade para falar. Meu amigo Catito afirma que se uma mulher quiser algo do marido bem rapidinho é dizer que se ele não fizer vão ter que dormir mais tarde para discutir a relação. Ele prefere fazer o que voce pediu sem titubiar.

Uso este argumento para as moças como um motivo pelo qual a Bíblia insiste tanto na abstinencia sexual dos solteiros. Homens têm difuculdade para falar mas grande facilidade para fazer. Se puderem logo de cara, fazer, nunca aprendem a falar e pecam toda a vida na arte da comunicação verbal.

As mulheres ao contrário, regra geral tem mais dificuldade no envolvimento sexual nos primeiros anos de casamento. Se falando tanto ainda têm dificuldade, quanto mais se fossem direto ao assunto. Um dos deveres conjugais mais dificil para os homens é a comunicação verbal tão importante para elas quanto a expressão sexual o é para os homens.

Parece incrível mas quando estava organizando este texto usando um intervalo entre um cliente e outro no consultório, deixei aberta a página anterior sobre a mesa a quase tres metros da poltrona onde sentou-se a próxima cliente. Ela estava com muita raiva de seu marido e conseguiu ler o que lhe convinha em voz alta:

"Os homens de modo geral têm muita dificuldade para falar" citado na página anterior.

Deixei-a falar um pouco de sua mágoa com aquela "ilha" inabitada que é a cabeça de seu marido e obviamente queixou-se que não lhe falta apetite sexual. Perguntei se ela se lembrava da frase que antecedia ao que ela conseguiu ler no meu computador a distancia e é claro que ela não prestou atenção: "greve de sexo - as mulheres se superam quase sempre." Ela riu.

*Texto retirado do livro "Utopia da Família Feliz", de Cleydemir Santos

Cleydemir Santos   é pastor, psicólogo, escritor e teólogo em Minas Gerais. Trabalha com uma abordagem sistêmica, psicodramática, no atendimento de adultos e crianças.  

veja também