Maquiagem mineral promete glamour sem oleosidade

Maquiagem mineral promete glamour sem oleosidade

Atualizado: Terça-feira, 14 Abril de 2009 as 12

Sucesso no exterior, novidade é recomendada por dermatologistas.

Produtos são boa opção para peles oleosas, sensíveis ou com acne.

Num mundo cada vez orgânico, o setor de cosméticos inverte a tendência e investe na maquiagem mineral. Livre de ativos alergênicos, óleos, corantes e fragrâncias, os produtos, que prometem causar menos danos à pele e têm maior prazo de validade, vem ganhando  espaço no mercado. Apesar do número crescente de adeptos, no entanto, ainda são poucas as marcas nacionais que já têm a moda em suas linhas.

"A maquiagem convencional utiliza ativos químicos e a mineral, componentes extraídos do solo, como o dióxido de titânio e o óxido de zinco. A maquiagem mineral é, em geral, recomendada para pessoas de pele sensível, acnéica e para pacientes que estão realizando procedimentos com lasers e peelings. É que o dióxido de titânico tem ação antiinflamatória e calmante. Mas, é importante que a consumidora verifique se tem algum tipo de reação aos componentes dos produtos", diz a dermatologista Paula Bellotti.

Poros sem obstrução

Um dos trunfos da novidade, segundo os dermatologistas, é não obstruir os poros e não, no geral, causam alergias. "Faz menos mal porque os ativos não são alergênicos, diminuem a oleosidade, sem causar ressecamento. O produto vegetal é muito mais sensibilizante. Mas, do ponto de vista cosmético, já ouvi alguns pacientes reclamarem que não espalha da mesma maneira, mas nada muito sério", pondera a dermatologista Mônica Azulay.

Produtos de R$ 18 a R$ 138

Nos casos em que os pós minerais constituem 100% do produto, como na Contém 1g, as colorações são restritas em produtos como pó, base e corretivo. Em geral, em tons de pele e amarelo, preto e vermelho.

Mas há casos, como os produtos da Mary Kay, que, com 90% de minerais, utiliza outros 10% para conseguir até 24 tons diferentes de sombra e blush.

"Tem aumentado o número de consumidoras que procuram as maquiagem por suas características minerais", afirma a gerente da Mary Kay, Simone Kier. As duas empresas são das poucas com produtos nacionais deste tipo e os preços variam de R$ 18 a R$ 65.

É possível encontrar algumas linhas importadas minerais por aqui, como as da Clinique e M.A.C. Na Clinique, o pó é produzido no Japão e tem em sua fórmula proteção solar FPS 15 e agentes hidratantes (R$ 90), e, na M.A.C, com características semelhantes, sai a partir de R$ 138.

veja também