Marido que trabalha demais prejudica carreira feminina

Marido que trabalha demais prejudica carreira feminina

Atualizado: Sexta-feira, 9 Abril de 2010 as 12

Um novo estudo norte-americano da Universidade de Cornell, publicado pela American Sociological Review,comprovou cientificamente aquilo que boa parte das mulheres trabalhadoras já desconfiava: ter um marido que trabalha mais de 60 horas por semana pode fazer com que você se dedique menos à própria carreira.

Foram analisados quase 8,5 mil trabalhadores do setor de serviços e 17,5 mil operários de famílias em que ambos os cônjuges trabalham. Concluiu-se que mulheres com maridos que trabalham muito têm menos tempo para o seu próprio emprego, porque acabam se dedicando muito ao trabalho doméstico e o cuidado dos filhos em outra parte do tempo - o que raramente costuma ser uma tarefa dos homens.  

As mulheres analisadas tiveram 42% mais chances de sair do próprio trabalho quando o marido trabalha 60 horas ou mais por semana. Entre as mulheres que tinham filhos, a probabilidade salta para 112%. Porém, o inverso não acontece: ter uma mulher que trabalha muito não faz mal à carreira dos maridos, independentemente do fato de ele ser ou não pai.  

veja também