Noivas sujam vestido em ensaio de fotos pós-casamento

Noivas sujam vestido em ensaio de fotos pós-casamento

Atualizado: Quinta-feira, 15 Julho de 2010 as 10:25

Até pouco tempo atrás, os vestidos de casamento eram tratados como uma espécie de relíquia pelas mulheres, conservados ao longo dos anos e até mesmo reutilizados por outras gerações. Mas a moda agora é justamente o contrário: usar ele sem medo de estragar e registrar isso em uma sessão de fotos.

Conhecidos como Trash the Dress (jogar o vestido no lixo, em tradução livre), estes ensaios viraram moda nos Estados Unidos e chegaram ao Brasil há cerca de cinco anos.

Em geral, as fotos são feitas dias depois do casamento e trazem os noivos retratados em locais nos quais eles provavelmente não iriam vestindo as roupas da cerimônia, como praias, cachoeiras e montanhas. Algumas noivas até mesmo mergulham e rolam na areia com o traje.

O fotógrafo Anderson Miranda explica que a intenção é justamente colocar o vestido em risco, sem medo dos estragos que isso pode acarretar.

- A questão é você mostrar o vestido em locais aonde a noiva jamais iria com a sua roupa do casamento, em qualquer situação que seja.

Mas está enganado quem acha que o vestido vai da sessão de fotos diretamente para o lixo, como sugere o nome do ensaio. Miranda afirma que pequenos estragos podem até ocorrer, mas nada que uma lavagem não resolva.

- Pode sujar ou rasgar, mas isso pode acontecer também na própria festa do casamento. Geralmente, quando as fotos são feitas na praia e tem muita área o risco de estragar é maior... o fecho pode oxidar. Mas nunca, nenhum vestido, chegou a ficar totalmente inutilizado. Eles ainda podem ser lavados e guardados. Suja sempre, mas nem sempre estraga.

Vestidos alugados

Miranda diz acreditar que alugar ou comprar um vestido apenas para o ensaio estraga totalmente o conceito do Trash the Dress, já que as fotos funcionam como uma continuação da comemoração.

- Tem graça com o vestido dela. Se não, ela estará se fantasiando de noiva e aí o ensaio não tem sentido.

Já para fotógrafo Juliano Godoi, alugar um vestido especialmente para as fotos pode sim ser uma alternativa.

- Acho que alugar é uma boa opção. Pode-se fotografar mais de um vestido e com um custo acessível.

Para Godoi, a essência do ensaio está na produção das fotos, e não na sujeira que elas podem envolver.

- Eu encaro esse tipo de ensaio mais como um editorial de moda e tento ao máximo preservar o vestido. Uma coisa é não ter a preocupação em sujar o vestido, outra é sujá-lo intencionalmente.

Para os noivos interessados, o valor do ensaio pode variar de R$ 1.200 a até R$ 7.000, dependendo do profissional, número de fotos e do tamanho da produção.

Por: Sara Uhelski

veja também