O amendoim é um dos principais aliados das mulheres na manutenção de nutrientes durante a gravidez

O amendoim é um dos principais aliados das mulheres na manutenção de nutrientes durante a gravidez

Atualizado: Segunda-feira, 31 Agosto de 2009 as 12

O peso da criança ao nascer depende diretamente do estado nutricional da gestante. Aquela que apresenta qualquer tipo de deficiência lança mão de suas reservas orgânicas de nutrientes, pois a própria gestação modifica os processos fisiológicos normais da mulher e coloca seu organismo em condição de exceção. Ou seja, a prioridade é o feto.

Uma nutrição correta evita a anemia e déficits no crescimento e desenvolvimento do bebê, além de defeitos do tubo neural. A gestante necessita de uma dieta equilibrada em proteínas, carboidratos, gorduras além de minerais e vitaminas. Uma fonte rápida e de fácil acesso (natural ou torrado) é o amendoim.

O amendoim é uma semente oleaginosa que possui nutrientes e vitaminas importantes para o equilíbrio do organismo, manutenção da saúde e, por isso mesmo, auxilia no tratamento de algumas doenças. Segundo a nutricionista Cristiane Bosio, professora do curso de pós-graduação da Famerp (Faculdade de Medicina de São José do Rio Peto), aproximadamente 25% da composição do amendoim é de proteínas, o que o coloca como uma excelente opção de alimentação para adultos e crianças.

No caso das grávidas, um adicional de 10 gramas desta proteína por dia ajuda a construir, regenerar e manter tecidos da mãe e do feto. "É importante ressaltar que a gordura presente no amendoim vem principalmente de ácidos graxos poliinsaturados, que são benéficos para a saúde. Por ser uma castanha, o amendoim regula o açúcar do sangue, além de prolongar a sensação de saciedade, o que evita comer em exagero. Trata-se de uma boa sugestão para o lanche da manhã ou da tarde", completa a nutricionista.

Conheça os principais nutrientes do amendoim que beneficiam o organismo das gestantes:

Proteínas: São essenciais para o crescimento celular e responsáveis pela produção de sangue do feto.

Ferro: Ajuda na formação do sistema nervoso e no crescimento do bebê, além de reduzir infecções comuns durante a gravidez. Também auxilia na produção das células sanguíneas e previne a anemia.

Ácido fólico ou folato: Sua principal função é produzir enzimas, proteínas e sangue.Também é essencial para a formação correta do sistema nervoso do feto.

Gordura: É responsável pelo estoques de energia corporal e pela produção de hormônios.

veja também