O que a Bíblia diz sobre o divórcio

O que a Bíblia diz sobre o divórcio

Atualizado: Terça-feira, 28 Julho de 2009 as 12

"Não agüento mais conviver com ele(a)!" Esta frase, infelizmente tem se tornado muito freqüente. Ela vem de casais, que após várias discussões, brigas e tentativas de salvar o casamento, entregam os pontos e partem rumo à separação.

O pensamento correto sobre a natureza do casamento dá o alicerce para sabermos o que Deus pensa do divórcio. Primeiramente precisamos compreender que o casamento é uma instituição que nasceu no coração de Deus. Veja o que diz o profeta Malaquias: "Porque o SENHOR foi testemunha entre ti e a mulher da tua mocidade, com a qual tu foste desleal, sendo ela a tua companheira, e a mulher da tua aliança" (Ml 2:14). Casamento é uma aliança, e quando alguém entra numa aliança, assume um inescapável compromisso.

Se o nosso Deus é um Deus de aliança, e Ele não quebra nem permite quebra de aliança, também não permite que o casamento seja quebrado (Ml 2:16).

Em Mt. 19:1-9 Jesus diz que o divórcio é o resultado da dureza do coração, é um atestado do pecado humano. Mesmo no caso de adultério (único caso onde o divórcio é permitido), devemos perceber que o caminho de Deus não é a separação, mas o perdão. O divórcio neste caso, embora permitido, não é Seu desejo.

A melhor maneira para se evitar o divórcio é combater suas causas: cuide de sua vida espiritual e comece a levar Jesus para dentro de seu casamento, aprenda a perdoar ao invés de guardar ressentimentos, esteja disposto a promover mudanças significativas em seu relacionamento, ao invés de cobrar mudanças, e tome a decisão de amar seu cônjuge.

O divórcio não oferece uma oportunidade fácil de começar uma vida nova. Lembre-se que sempre que desobedecemos a Deus sofremos conseqüências desastrosas. Você leva cicatrizes do divórcio consigo para sempre.

É possível ter um casamento bem sucedido e abençoado. O caminho nem sempre é tão simples, mas sempre vale a pena, pois Deus estará a nosso favor.

"Assim já não são mais dois, mas uma só carne. Portanto o que Deus ajuntou, não o separe o homem" (Mt 19:6).

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também