O que os filhos aprendem com o casamento

O que os filhos aprendem com o casamento

Atualizado: Quarta-feira, 21 Julho de 2010 as 8:35

Meu marido e eu cozinhamos o jantar juntos quase todas as noites. Eu nunca pensei sobre isso até que, um dia, ouvi as nossas filhas brincarem de casinha. Elas tinham se designado como pais, e seus dois amigos eram os filhos. Então, chegou a hora de preparar uma refeição imaginária.

"O pai não cozinha!", riu um dos amigos, quando minha filha colocou uma panela de plástico no forno. "Sim, ele cozinha!" Percebi que nosso casamento apresentou a elas valores e crenças os quais elas passariam a acreditar serem o melhor (como neste caso) ou o pior.

"As crianças seguem exemplos antes mesmo de compreenderem a comunicação verbal", explica Elizabeth Lombardo, psicóloga em Wexford, Pensilvânia. “Nós nos focamos no ensino verbal, mas nos esquecemos da importância de nossas ações.” A qualidade do casamento dos pais tem muita influência na futura saúde mental e física da criança – e em sua relação com os pais.

"Ao valorizarem um ao outro, os pais ensinam aos filhos lições sobre a intimidade, os conflitos e o equilíbrio entre o trabalho e o lar", explica Daniel Buccino, co-fundador do Instituto de Psicoterapia de Baltimore. Pais solteiros podem demonstrar algumas dessas habilidades em relacionamentos com os amigos e familiares.

Podemos incentivar nossos filhos a compartilhar, mas a verdade é que eles estão ocupados observando cada movimento que fazemos – desde a forma como resolvemos as discussões até quanto tempo de qualidade nós partilhamos. Veja como fazer do seu casamento um modelo, mas apenas dos comportamentos saudáveis.

Demonstre afeto

É importante sermos carinhosos com nossos filhos, mas é fundamental que eles vejam a mãe e o pai sendo amorosos um com o outro. A relação dos pais é um campo de treinamento para os próprios.

Assim como as crianças criadas em lares violentos tendem a continuar esse ciclo, crianças que convivem com um casal amoroso introduzirão essas lições em sua própria família no futuro.

Não demonstre afeto com seu cônjuge apenas quando ele fez alguma coisa para te deixar feliz. As crianças precisam receber a mensagem de que ninguém tem de ser perfeito para ser amado.

Partilhe as responsabilidades

Em casa, há uma lista interminável de responsabilidades que precisam de sua atenção constante. Mesmo quando o pai é o único chefe da família, os casais devem se esforçar para que haja uma responsabilidade conjunta do lar, diz Scott Coltrane, sociólogo da Universidade do Oregon.

O dr. Coltrane verificou que crianças que ajudam o pai com o trabalho doméstico têm maior probabilidade de obter o mesmo de seus parceiros. Elas também têm menos probabilidade de desobedecerem a professores ou de se tornarem deprimidas ou rebeldes.

Cozinhando juntos, meu marido e eu ensinamos nossas filhas que um casal pode dividir as tarefas domésticas de bom grado. Considerando que nunca tive uma impressão tão arrojada sobre meu próprio pai (provavelmente porque nunca o vi nem tentar ferver água), nossas filhas irão para o mundo, e para seus próprios relacionamentos, com essa expectativa.   Por Jenna McCarthy

Tradução de Samantha Melo

veja também