Quando agradecemos ao Senhor

Quando agradecemos ao Senhor

Atualizado: Quarta-feira, 14 Outubro de 2009 as 12

De acordo com a Palavra, Deus provou Moisés por quarenta anos. Provou a motivação real do coração deste homem. Provou a fidelidade em guardar os mandamentos que Ele ordenara.

Há pessoas que pensam que a vida se reduz à satisfação de seus apetites: “Ganho dinheiro para me vestir bem, comer do bom e do melhor, e andar em grande estilo, tenho uma boa vida”. Esta tem sido a fala de muitos. Mas tais coisas não satisfazem nossos mais profundos anseios. Os desejos, os anseios desesperados e incontroláveis que nos destroem constantemente, têm se tornado, ou podem se tornar, “deuses” na nossa vida, por isso estejamos vigilantes quanto a isso. “Coisas” nos deixam vazios e insatisfeitos. A vida real se baseia no total compromisso com Deus, o Criador de tudo, e esse compromisso requer disciplina, sacrifício e muito trabalho. Ser provado por Deus, para reconhecer o nosso interior, é algo que nos ajuda a crescer e a estar mais próximos dele, porém não devemos esquecer que seremos constantemente tentados, pela nossa carne, a parar ou desistir no meio do caminho. Quantas vezes confiamos em nosso próprio braço, em nossa própria força, mas devemos nos lembrar que é Deus quem nos dá força para adquirirmos poder.

O nosso caráter é algo que está sendo moldado todos os dias. Temos que ter um coração agradecido. O povo de Israel teve vários motivos para nunca se esquecer de cada milagre e provisão que Deus fez em favor de todos ali no deserto, mas muitos se esqueceram. E quantos de nós também nos esquecemos de agradecer pelo carro que está conservado, pela casa que temos, pelas roupas que vestimos. E mesmo não precisando de “nada” devemos agradece-lo, sempre, pois o maior de todos os “bens” Ele nos deu, Jesus Cristo!

Também devemos buscá-lo com a mesma intensidade de quando o buscamos nas lutas. São em meio às lutas, às chibatadas, quando o barco balança com a tempestade, que podemos nos alto avaliar e ver onde está nossa confiança! Se o nosso interior estiver em ordem, correremos para o Senhor e reconheceremos sua soberania. Seremos gratos pelo cuidado dele e ficaremos em paz. Reconheceremos que Ele tem moldado o nosso caráter e o nosso coração para o nosso próprio bem, somos provados para sermos aprovados pelo Senhor!

Escrito por Peterson Amicuchi

Missionário, formado pelo CTMQ - PR (Centro de Treinamento Missionário Quadrangular). Cursa Gestão de R.H. Líder do Ministério de Artes Freedom - Igreja do Evangelho Quadrangular – Ribeirão Preto (SP). e-mail: ministé[email protected]  / www.ministeriodeartesfreedom.com

veja também