Sabedoria na alimentação : A saúde da sua família é o reflexo do que come

Sabedoria na alimentação : A saúde da sua família é o reflexo do que come

Atualizado: Quarta-feira, 6 Maio de 2009 as 12

Nos dias de hoje, é muito comum o consumo exagerado de frituras, massas e refrigerantes. Tudo isso é muito gostoso, mas lembre-se que a saúde de sua família está em primeiro lugar.

Tudo depende de uma disciplina diária. Se a mulher, que é a responsável pela alimentação da casa, souber diversificar e combinar alimentos, certamente terá uma família saudável. Uma alimentação desequilibrada facilita, e muito, a chegada de doenças.

É claro que não está se falando aqui de abandonar completamente os salgadinhos e os refrigerantes, afinal, ninguém é de ferro. A proposta é cuidar diariamente da alimentação da sua família com sabedoria. Para isso, é preciso dedicação e conhecimento sobre alguns alimentos.

Tudo começa com o que é colocado no carrinho no supermercado, é preciso dar prioridade aos produtos naturais e descartar os enlatados. Salada é sinônimo de saúde, portanto, encha o carrinho de verduras, legumes e frutas.

De acordo com os nutricionistas, em relação às gorduras, 10% delas devem ser polinsaturadas (óleos vegetais), até 20% de monoinsaturadas (azeite de oliva e castanhas) e apenas 7%, saturadas (manteiga, leite integral e carnes).

O consumo de doces, refrigerantes e bebidas gaseificadas, frituras, alimentos e molhos gordurosos, chá e café, enlatados, embutidos, condimentos industrializados, queijos amarelos, preparações semi-prontas e prontas devem ser evitados. É preciso estabelecer um bom equilíbrio, Se há uma festinha no final de semana, pode comer de tudo moderadamente, mas ao chegar em casa lembre que a realidade é outra.

A qualidade de vida começa quando a educação alimentar é levada a sério. Se há crianças em casa, o melhor a fazer é acostumá-las desde novinhas a comer muita salada, frutas e a almoçarem nos horários corretos. Crianças que comem guloseimas a qualquer hora do dia se tornam indisciplinadas; isso é muito ruim para a saúde delas.

Muitos adultos que comeram errado durante toda a infância hoje lutam para se adaptar a uma reeducação alimentar. Os resultados são surpreendentes.

Investir em uma alimentação saudável para a família é uma questão de amor. Quando há equilíbrio, até os salgadinhos, refrigerantes e guloseimas podem ser consumidos sem preocupação.

Substituir refrigerantes por sucos certamente é bem mais trabalhoso, mas a repercussão dentro do organismo é imediata. Se o seu objetivo é emagrecer, lembre que sua família não é obrigada a lhe acompanhar. Faça a sua dieta (após ter consultado um especialista) de modo que não interfira na alimentação do restante da família.

Eis que vos tenho dado toda erva que dá semente, ... e toda árvore em que há fruto de árvore que dá semente, ser-vos-ão para mantimento. (Gên. 1:29)

Aí vão 10 dicas para você montar um cardápio saudável de acordo com o ritmo da sua família. Bom apetite!

1- Coma batatas e cereais; saiba que o trigo integral é o mais nutritivo;

2- Coma cinco porções de frutas, legumes e verduras todo dia – três porções de legumes/verduras (400 g) e duas de fruta (250 g);    

3- Tome diariamente leite e laticínios. Coma peixe uma ou duas vezes por semana. Não coma carne nem embutidos demais, e apenas três ovos por semana;

4- Prefira óleos e gorduras vegetais;   

5- Seja moderado com o açúcar e o sal;

6- Beba pelo menos um litro de líquidos por dia, de preferência água e sucos;

7- Não cozinhe demais os alimentos. Deixe-os no fogo por pouco tempo, em temperatura baixa, e use pouca água e gordura; 

8- Coma devagar. A mastigação é um dos passos mais importantes da digestão e, consequentemente, da sua alimentação;

9- Controle seu peso e procure caminhar;

10- Use azeite nos alimentos, principalmente nas saladas.

veja também