"Santidade com sanidade" - Coluna Erasmo Miranda

"Santidade com sanidade" - Coluna Erasmo Miranda

Atualizado: Quarta-feira, 25 Março de 2009 as 12

"Ouvistes que foi dito aos antigos: Não cometerás adultério. Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela. Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno. E, se a tua mão direita te escandalizar, corta-a e atira-a para longe de ti, porque te é melhor que um dos teus membros se perca do que seja todo o teu corpo lançado no inferno. Também foi dito: Qualquer que deixar sua mulher, dê-lhe carta de desquite. Eu, porém, vos digo que qualquer que repudiar sua mulher, a não ser por causa de prostituição, faz que ela cometa adultério, e qualquer que casar com a repudiada comete adultério" (Mateus 5:27-32).

Leia: (2ª Coríntios 6, Efésios 4 e Tiago 1).

Na Lei, o que imperava, era o regime do: "Olho por olho e dente por dente". Não via perdão para quem cometesse alguma falta, principalmente no que diz respeito a quem fosse pego no ato do adultério: "E os escribas e fariseus trouxeram-lhe uma mulher apanhada em adultério; e, pondo-a no meio, disseram-lhe: Mestre, esta mulher foi apanhada, no próprio ato, adulterando. E na lei nos mandou Moisés que as tais sejam apedrejadas. Tu, pois, que dizes?" (João 8:3-5). No entanto, este regime favorece para que as pessoas vivam de aparências, demonstrando aquilo que realmente não o são. Entre estas, existiam os escribas e fariseus; os quais foram muito criticados por Jesus por tais práticas. Graças a Deus por nosso Senhor Jesus, no qual foi decretado um outro regime, que é o da Graça, regido pela Lei do Espírito, a lei da liberdade: "Aquele, porém, que atenta bem para a lei perfeita da liberdade, e nisso persevera, não sendo ouvinte esquecidiço, mas fazedor da obra, este tal será bem-aventurado no seu feito" (Tiago 1:25). Porém, como somos exortados por Paulo: "Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor" (Gálatas 5:13); sabendo que: "Todas as coisas nos são lícitas, mas nem todas as coisas convêm. Todas as coisas nos são lícitas, mas nós não nos deixaremos dominar por nenhuma" (1ªCoríntios 6:12).

O Senhor Nosso Deus, para figurar a dor que estava sentindo, devido à traição de integrantes do Seu povo, nos dias do profeta Oséias. Antes que o profeta saísse a profetizar, Deus o ordenou que tomasse por mulher uma prostituta (Oséias 1, 2 e 3), para que desta forma, o profeta pudesse também, carregar um pouco do peso da dor do Seu sentimento. Por vê-los deixando-se contaminar por todo tipo de impurezas, por causa do desejo desgovernado da carne, levando-os a uma vida de aparências, pois, por acharem-se detentores da promessa feita, Abraão, Isaque e Jacó, pensavam que atrairiam a presença de Deus sem se comprometerem com ela, sem guardarem os mandamentos. Atitude esta, que levava-os a total ausência de Deus em suas vidas, em direção à morte. Não podemos nos enganar, temos que levar a sério a exortação de Paulo nos versículos anteriores, visto que, mesmo estarmos gozando do privilégio de vivermos na graça, corremos os mesmos riscos daqueles que viviam sobre o domínio da lei. Sendo assim, temos que buscar sempre, e, em tudo o que nós fazemos, controlar a nossa carne, para que desta forma, Deus possa estar sempre presente nas nossas vidas.

Isto não se consegue somente pelo esforço humano, seria insano pensarmos desta forma. No entanto, se assim desejamos viver, devemos buscar respaldo na força que vem do alto, através do Espírito Santo de Deus, para que assim, possamos vencer a cada dia as provas que enfrentaremos; como nos incentiva Tiago, irmão do nosso Senhor Jesus Cristo: "Bem-aventurado o homem que suporta a tentação; porque, quando for provado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que O amam. Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta. Mas cada um é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência. Depois, havendo a concupiscência concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a morte" (Tiago 1:12-15).

Apesar de termos as nossas individualidades como membros, estamos ligados a um corpo, do qual Jesus Cristo é O cabeça. Não podemos deixar que nada venha a macular a nossa santidade, para que o corpo não seja afligido. Mesmo que para isso, venhamos a sofrer a amputação de qualquer de nossos membros, sendo evitado sofrimento maior. Temos responsabilidades de uns para com os outros, as atitudes individuais irão repercutir no coletivo. Não vivemos pela aparência, mas sim, pela santidade: "Porquanto está escrito: Sede santos, porque Eu Sou Santo" (1ª Pedro 1:16). Porém, santidade sem a intervenção divina nas nossas vidas, e até mesmo, sem uma vida coletiva junto ao Corpo, é sinônimo de insanidade. "SANTIDADE COM SANIDADE", só se faz possível, quando encontramos o equilíbrio do divino com individual, manifestado no coletivo, através do Espírito Santo de Deus.

Pense: "Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra, para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível" (Efésios 5:25-27).

Ore: SENHOR, agradeço pelo Teu imenso amor, que  levou Jesus Cristo a derramar o sangue purificador naquela cruz; o qual me lava e purifica de todo pecado. Que eu possa perseverar nesta verdade a cada dia. Derrama sobre mim o bálsamo do Teu Espírito Santo, para que o meu novo homem seja fortalecido; para que desta forma eu possa resistir todos os desejos da minha carne. No Poder do Espírito Santo; para a glória de Deus Pai; em nome de Jesus; Amém!!!!!!!

"Abençoe-nos Deus, e todos os confins da terra O temerão" (Salmo 67:7).

Erasmo Miranda de Araújo é presbítero e trabalha nos ministérios de Ação Social e Ensino.

Contato:

http://www.portalestilo.com.br/madruga   

[email protected]

Foto: Galera de Jesus  

veja também