Trabalho noturno: Será que vale a pena trocar o dia pela noite?

Trabalho noturno: Será que vale a pena trocar o dia pela noite?

Atualizado: Terça-feira, 12 Janeiro de 2010 as 12

Nos dias de hoje, é cada vez mais comum empresas funcionarem 24 horas por dia. Porém, essa mudança no padrão do sono dos trabalhadores noturnos pode gerar problemas à saúde e até dificuldades de relacionamento. Isso porque, de acordo com especialistas, dormir durante o dia não é a mesma coisa que à noite. Essa alteração na rotina requer uma boa administração do sono.

Especialistas do mundo inteiro são unânimes em afirmar que o trabalho noturno causa irritabilidade e mau humor em muitos profissionais que mantêm uma rotina de trabalho noturno. O trabalhador que troca o dia pela noite está propenso a ter dificuldade de relacionamento, principalmente com a família.

De acordo com a psicóloga Érica Pinheiro, no casamento, quando um tem a vida diurna e o outro vida noturna, é necessário muita compreensão para evitar problemas. "Nestes casos, é fundamental que os dois estejam muito afinados entre si e a relação deve ser de bastante doação."

"A situação exige muito de ambas as partes, pois os dois sabem que precisam disponibilizar do tempo livre para ficarem juntos, além de procurar entender o lado da outra pessoa. É muito difícil, mas não é impossível, requer muita renúncia, sinceridade e empatia entre o casal", destaca a psicóloga.

Desgaste maior

Independente da função, o trabalho noturno exige muito mais que o diurno. De acordo com Dr. Paulo Luciano, professor de neurologia da Universidade do Estado Rio de Janeiro (UERJ), toda pessoa que tem como rotina trocar o dia pela noite tem maior necessidade de ter o sono bem administrado.

"O trabalhador noturno, além do desgaste natural do trabalho, tem que trabalhar o psicológico para se manter acordado. Sem contar que o sono do dia não é reparador como o da noite. Tudo isso traz um grande desgaste para esse trabalhador", explicar Dr. Luciano.

Ele afirma que a rotina de trabalhar à noite pode prejudicar seriamente a saúde de uma pessoa. "Irritabilidade, insônia - no caso de férias - e sonolência durante o dia são comuns a essas pessoas, por isso que é importante a alternância entre trabalho de dia e de noite."

Por Tatiana Alves

veja também