Traí meu marido! Como saber se fui perdoada?

Traí meu marido! Como saber se fui perdoada?

Atualizado: Quarta-feira, 28 Dezembro de 2005 as 12

O casamento não se concretiza pela papelada deixada e recebida pelo cartório. Nem pelo sermão lindo que o pastor faz; pela casa montada ou pela nova família adquirida.

Casamento é ser dois uma só carne. O relacionamento sexual é pilar sustentável do casamento. Mas o que fazer quando um abismo chamou outro abismo e você traiu seu marido? Ele diz que a perdoou mas você não acredita ou não compreende se realmente foi perdoada?

Nesta condição o que mais importa antes do perdão do marido, é o perdão a si mesma. Perdoar a si mesma antecede o perdão do outro.

A evidência maior quando existe dúvida de ter realmente sido perdoada, é de não ter perdoado a si mesma.

A reciprocidade que deve existir nos sentimentos, no amor, na cumplicidade, no compartilhar tem que ser a mesma também no perdão.

Uma mulher foi trazida a Jesus na mesma condição, ou pior, porque acabara de adulterar e a trouxeram publicamente arrastada para ser julgada pela lei e por Ele.

O texto diz que Jesus preferiu não dizer nada. E a uma grande lição nisto. Há situações que ninguém tem o direito e a condição de falar nada. Pela insistência dos homens, depois de O colocarem em confronto com a lei de Moisés ou esperando que Ele a condenasse sem passar pelo tribunal; Jesus trata a questão escrevendo na terra e solicitando que quem não tivesse pecado fosse o primeiro a atirar a primeira pedra.

Depois de perceber a condição pecaminosa que estavam cada um deles, fica Jesus e a mulher. A fala de Jesus pra ela é: ?Mulher onde estão os teus acusadores? Ninguém te condenou? Nem eu. vai e não peques mais?.

O fato de Jesus perdoar aquela mulher deixa uma reflexão: Se Ele sendo Deus liberou o perdão, será que há alguém que pode ter o direito de nega ? lo a outrem ou a si mesmo, depois de sincero arrependimento e disposição a não errar mais?

Consulte sua mente e seu coração, diferente de alimentar a dúvida de ter ou não sido perdoada por seu marido, olhe pra você e veja se já se perdoou. O perdão a si mesma vai refletir no perdão dele a seu favor. Admitir a você mesma o quanto foi prejudicada por seu ato, é também suficiente para gerar perdão em seu marido.

Este artigo não é direcionado a homens traídos, mas a mulheres que traíram seus maridos; caso você tenha sido vítima da traição saiba que nenhum pecado fica impune; Deus se encarrega de julgar e Ele é Justo. A você, marido, cabe perdoar a exemplo de Jesus com a mulher adúltera.

Leia também:

Como ser vitoriosa no relacionamento sexual? A mulher e o instinto masculino no sexo Não há relacionamento sem confiança Traí meu marido! Como saber se fui perdoada? Quando o sexo se torna ilícito no casamento  

veja também