Tudo o que não pode faltar na sua mala de viagem de férias

Tudo o que não pode faltar na sua mala de viagem de férias

Atualizado: Sexta-feira, 4 Julho de 2008 as 12

Gente, enfim, elas chegaram: as fériaaaas! Claro que nem todo mundo pode viajar em julho, mas é sempre tempo de se mandar para algum cantinho sossegado com a família e os filhos, esses sim privilegiados por 30 dias de descanso, nem que seja no final de semana!

Arrumar a mala soa sempre como a tarefa mais chata. Tudo porque ser mulher exige uma série de itens. Ficamos louquinhas só de pensar que na viagem vamos precisar de alguma roupa que deixamos guardada em casa. Nossa vontade é dobrar o armário inteirinho e guardá-lo na bolsa, mas isso não é possível. Não cabe no carro e não é bom pagar por excesso de bagagem no avião.

Levar muita bagagem não é legal. Pode reparar como sempre há aquela pessoa (normalmente mulher) que é alvo de comentários por levar aquela mala Extra GG.

É óbvio que isso vai depender de quanto tempo você pretende ficar fora de casa. Mas aqui, para efeito didático, vamos imaginar que vai ser por pouco tempo, apenas para dar aquela relaxada básica.

Não importa se você decidiu passar as férias no meio do mato, na praia, em alguma fazenda ou então na casa da família no interior. Você, mais do que ninguém, deve saber a quantidade exata de roupas que deve levar. Para isso, estipule uma meta. No final da arrumação, você deve ter em mãos apenas a sua bolsa, uma frasqueira pequena e a mala (não muito grande, por favor). Isso é o máximo.

Para tudo dar certo, se imagine no lugar. Pense nas coisas que vai fazer durante o dia (nadar, curtir um sol ou um friozinho, andar de bike, passear por aí, conhecer novas pessoas). Pense qual vai ser a da night (uma fogueirinha na praia, curtir um jantar a dois ou apenas conversar com as amigas olhando o céu repleto de estrelas). Por fim, pense em que roupa gostaria de vestir em cada ocasião, sempre com foco no conforto.

Ao começar a separar as roupas que entrarão na sua mala, pense em conjuntos. Nada de escolher aquela blusa verde-água MA-RA-VI-LHO-SA, mas que não combina com nenhuma calça ou saia que você tenha. Opte pelo prático, ou seja, aquela blusa que você já sabe que fica ótima com a calça jeans.

"É muito importante que a pessoa leve na mala peças coordenadas e neutras. Nada de levar um short pink e laranja. Melhor optar por jeans ou cores como bege e preto. Desse modo, fica mais fácil combinar as roupas", explica Karina Cattan, empresária que atua no ramo de confecções.

Não se esqueça também de avaliar quanto tempo você permanecerá com cada roupa. Por exemplo, se for à praia, saberá que, de manhã até a tarde, ficará de biquíni, no máximo com uma saia ou um vestidinho. Por isso, nada de pegar várias roupas. Você não precisa fazer um desfile de moda. Deixe isso para os fashionistas.

Caso você não tenha a mínima idéia da programação dessa viagem, não se desespere. Ligue para a companhia de viagem ou para amigos e conhecidos que já foram ou estão no seu destino.

Se for à praia ou visitar o Nordeste, shorts, vestidos, blusinhas, saias, biquíni oi maiôs são imprescindíveis. Para a noite, roupas básicas já servirão, como aquelas que você passeia no shopping. Também não se esqueça de levar tênis e algumas roupas mais esportivas, caso você se aventure por aí.

Se vai para fora do Brasil, vale aquele ditado: "Quem tem boca vai a Roma". Saia perguntando tudo para quem vai com você. Aqui também vale uma pesquisa na net sobre o clima dos outros países.

"Para aqueles que não têm muita noção de como será a viagem, sugiro o jeans, pois é uma peça perfeita, um verdadeiro coringa. Serve tanto para andar a cavalo como para sair com amigos. Com uma camiseta, cria um ar superdespojado, já com um bolerinho, com uma blusinha mais elegante e, de repente uma sandália mais transada, fica perfeito para sair à noite", afirma Karina.

Maquiagens e acessórios

Não, nada disso é desnecessário, ainda mais para mulheres! Sempre se proteja do sol - a pele e o cabelo. A maquiagem básica não pode ficar de fora: base, corretivo, blush, máscara para cílios e gloss são fundamentais.  Um perfuminho também cairá otimamente bem na sua mala.

Sobre os acessórios, leve sim! Colares, brincos, pulseiras, anéis. Só não exagere. Leve os que você mais usa, tudo numa caixinha ou, melhor ainda, em uma daquelas lonas que funcionam como nécessaire para guardar brincos, colares, pulseiras, anéis e o que mais que seja.

Calçados

"No caso dos calçados, o melhor é ter um para cada ocasião: prática de esportes, uma saída mais social e outra casual, além do passeio básico na praia, caso esse seja o seu destino", aconselha Karina Cattan, que alerta: "Não é necessário levar vários. É mais indicado levar calçados básicos em cores que combinem com todas as peças".

Para guardá-los? Experimente colocar as meias dentro dos sapatos, que devem estar devidamente ensacados no fundo da mala. Você economiza espaço e evita amassar os bicos.

veja também