Jornalista lança "Derrubando Mitos", livro que investiga mistérios da Bíblia

O livro “Derrubando Mitos” tem o objetivo de facilitar o entendimento das Escrituras Sagradas por meio dessa metodologia jornalística.

Fonte: Guiame, com informações da Assessoria de ImprensaAtualizado: quarta-feira, 29 de março de 2017 12:42
Capa do livro "Derrubando Mitos". (Imagem: Guiame)
Capa do livro "Derrubando Mitos". (Imagem: Guiame)

O jornalismo investigativo é usado para descobrir casos importantes, desvendar mistérios e fatos ocultos do conhecimento público, especialmente crimes e casos de corrupção, que podem eventualmente virar notícia. E foi seguindo essa ideia que a jornalista Cristina Beloni Alencar resolveu buscar respostas para certos “mistérios” da Bíblia.

O livro “Derrubando Mitos”, lançado este ano, tem o objetivo de facilitar o entendimento das Escrituras Sagradas por meio dessa metodologia jornalística. Um trabalho livre de conceitos eclesiásticos e que já foi classificado por alguns especialistas como um livro “apologético-cristão-evidencialista”.

Cherloques Souza, que escreveu um dos prefácios da obra, salientou a importância de um livro escrito por uma brasileira e não mais uma obra estrangeira que pode não contemplar as necessidades locais. “É certo que estamos acostumados a ler e fazer teologia sob forte influência europeia e americana, e o que se pode verificar é que nem sempre uma literatura estrangeira contempla ou alcança nossa realidade e necessidade, devido aos vários aspectos que envolvem uma cultura tão especial como a nossa”, ressalta.

“No entanto, nos sentimos prestigiados com a mais recente obra, ‘Derrubando os Mitos’, da jornalista e autora Cristina Beloni Alencar, que serve a todos aqueles que esperavam por uma pesquisa bíblica sob o olhar e perspectiva de um cristão brasileiro”, colocou.

Já o pastor batista Luiz Sayão, ressalta um diálogo entre a Bíblia e a realidade. “Nesta obra, a autora Cristina Beloni Alencar, com sua experiência de escrever para um público mais amplo, a partir de um estilo jornalístico, claro e atraente, apresenta o resultado de um diálogo-confronto entre a Bíblia e a realidade dos nossos dias”.


Temas tratados no livro
Cristina não economizou em sua pesquisa. Ela foi a fundo em temas que ainda gera certa dúvida tanto nos cristãos e até mesmo para os ateus. Temas como a Torre de Babel, o Dilúvio, a origem dos povos a partir do relato bíblico, a existência dos dinossauros, entre outros fatos que a Bíblia narra.

“Se existe uma receita para este trabalho, os ingredientes são esses: história, ciência, geografia, arqueologia, geologia, jornalismo, biologia, engenharia, entre outras especialidades. Misture tudo, mexa bem, acrescente muitas reportagens, verificando o prazo de validade delas. Prepare com fervor, porque Deus não se agrada de nada morno”, diz a apresentação.

O livro de Cristina tem alguns objetivos, como oferecer uma visão mais ampla da Bíblia, derrubar mitos e lendas que introduziram aos fatos bíblicos, levar as pessoas a ter convicção da veracidade e confiabilidade das Escrituras Sagradas, trazer à tona a verdade, respeitando os princípios sagrados e por fim induzir o leitor ao discernimento e, automaticamente à maturidade cristã.


Sobre a autora
Nascida em 1973, Cristina é jornalista desde 1997, bacharel em Jornalismo, pós-graduada em Comunicação Empresarial, fez Iniciação Científica na USP, ECA – Escola de Comunicação e Artes, pelo CBELA – Centro de Estudos Latino-Americanos. É pesquisadora associada ao ABRAJI – Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo e ao FENAJ – Federação Nacional dos Jornalistas.

Pertence à Sociedade Brasileira do Design Inteligente no Brasil. É teóloga pela Ordem dos Teólogos e Pastores do Brasil. Formada em Teologia pelo Instituto Betel, bacharel em Teologia com ênfase em Arqueologia Bíblica pelo Instituto Gamaliel. Foi coordenadora de redação da Revista Eclésia e trabalha hoje para uma ONG internacional que estende a mão aos cristãos perseguidos. Atualmente é mestrando em Missões Transculturais. Iniciou suas pesquisas bíblicas assim que se converteu ao Cristianismo.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições