A cultura determina hábitos alimentares de muitos povos

A cultura determina hábitos alimentares de muitos povos

Atualizado: Quinta-feira, 30 Abril de 2009 as 12

Se você acha que em todos os lugares se come com talheres você está enganado!

Ingrid Cicca

[email protected]

Os brasileiros, de maneira geral, utilizam os talheres para comer e evitam sentar no chão na hora das refeições. Mas, existem diversas peculiaridades por este mundo afora. Não é preciso ir muito longe para identificarmos diferenças dos padrões ocidentais. No Brasil mesmo, é possível identificar etnias com hábitos alimentares que fogem à regra, principalmente entre as tribos indígenas. Os índios das tribos Marubo, que vivem na vivem na região do Amazonas, nas cabeceiras dos cursos do Ituí, Maronal e Curuça, por exemplo, além de comerem com as mãos, comem separados por sexo.  

Entre os africanos, existem etnias que também usam as mãos para comer e preferem sentar-se no chão quando estão se alimentando. O hábito de comer com as mãos também é algo comum entre indianos e os guineenses. O missionário Jairo de Oliveira, em seu livro Missões e Culturas, relata que certa vez a   missionária Flávia Bottrel, da Junta de Missões Nacionais da Convenção Batista Brasileira " JMN, almoçando com uma indiana e uma guineense percebeu que até mesmo o modo como as duas utilizavam as mãos para levar a comida à boca era diferente. Segundo relato da missionária, a indiana junta a comida com as mãos e põe na boca de forma que os dedos toquem os lábios e as guineenses consideram estranho a maneira de comer das indianas.

Já os japoneses preferem os Hashis, uma espécie de "pauzinhos" para pegar os alimentos. Assim como nós, brasileiros, temos regras de etiqueta ao utilizar os talheres, o mesmo acontece com o uso dos hashis.  Existem diversas regras de utilização dos hashis, uma delas é nunca espetar os hashis no alimento e não passar comida de um hashi para o hashi de outra pessoa.

Como vimos, os hábitos mudam de uma região para outra. O ideal é buscarmos o maior número de informações antes de adentrarmos em culturas diferentes, até mesmo para evitar constrangimentos. Não que isso não possa ocorrer, mas a probabilidade será menor.

Leia também

A cultura determina hábitos alimentares de muitos povos Morte para alguns significa pranto, para outros é motivo de risos O corpo fala Hábitos alimentares dos povos O drama das mulheres muçulmanas Ratos: temidos por uns e adorados por outros

veja também