Adventistas se mobilizam para ajudar vítimas no Rio de Janeiro

Adventistas se mobilizam para ajudar vítimas no Rio de Janeiro

Atualizado: Quinta-feira, 13 Janeiro de 2011 as 11:37

Já ganhou repercussão internacional a tragédia causada, em janeiro, pelas chuvas na região Sudeste do Brasil, o que inclui os estados de  São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

A situação é mais crítica na região serrana do Rio de Janeiro. As chuvas que atingem a área deixaram ao menos mais de 350 mortos até esta quinta-feira (13), segundo informações da Secretaria de Saúde do Estado. As cidades mais atingidas são Teresópolis, Nova Friburgo e Petrópolis e Itaipava, segundo o Corpo de Bombeiros. Grande parte das vítimas foi causada pelos inúmeros deslizamentos registrados na região. Os números podem aumentar já que as buscas por mais vítimas devem continuar nos próximos dias e as áreas são de difícil acesso. O governador do RJ, Sérgio Cabral, e a presidente do Brasil, Dilma Rousseff, deverão sobrevoar a região ainda nesta quinta-feira. O Governo Federal já liberou mais de 700 milhões de Reais para ações emergenciais nas áreas afetadas em todo o país.

Equipes da Defesa Civil continuam mantêm buscas de desaparecidos nas cidades, portanto, é possível que o número de mortos e feridos aumente nos próximos dias. Os adventistas do sétimo dia da região estão mobilizados para ajudar as vítimas com alimentos, produtos de higiene pessoal e limpeza. Não há informações de mortos na comunidade adventista, mas de desaparecidos. O presidente da Associação Adventista do Rio de Janeiro, pastor Montano de Barros, está se dirigindo à região afetada para auxiliar.

A Rede Novo Tempo de Rádio divulga nesta semana, em sua programação, informações sobre como as pessoas podem ajudar as vítimas, através de uma conta bancária da Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA) do Rio de Janeiro. Já a Rádio Novo Tempo, em Teresópolis, um dos municípios mais atingidos, divulga constantemente a conta da Defesa Civil e está apelando para que as pessoas façam doações de sangue no núcleo local do hemocentro. O Instituto Petropolitano Adventista de Ensino (IPAE), localizado em Petrópolis, com mais de 400 alunos, não sofreu qualquer dano por causa das chuvas, porém não há informações sobre a situação dos alunos residentes na região.

É possível ajudar a campanha da Igreja Adventista do Sétimo Dia no RJ, com depósitos em conta bancária:

Conta corrente da ADRA Rio

Banco: Bradesco

Agência: 1125-8

Conta corrente: 43493-0 / Depósito em nome de Instituição Adventista Este Brasileira de Educação e Assistência Social

Por Felipe Lemos

veja também