Banco de leite humano pede doações

Banco de leite humano pede doações

Atualizado: Quinta-feira, 10 Fevereiro de 2011 as 2:22

O Banco de Leite Humano, órgão ligado à Secretaria Municipal de Saúde, continua solicitando às mulheres em fase de amamentação e em condições, que colaborem com doações de leite materno para a manutenção do estoque regulador.

De acordo com a coordenação do Banco de Leite, embora o número de doações tenha aumentado em fevereiro com disponibilidade de 5 a 6 litros ao dia, se comparado aos meses de dezembro e janeiro, meses de férias, quando a quantidade de doações cai para entre 4 e 5 litros/dia, o número de doações ainda não atingiu o ideal que em média seria na faixa de 6 a 8 litros/dia.

Neste momento, o Banco conta com 34 doadoras e em média distribui entre 100 e 110 litros de leite materno ao mês, informa a assessoria.

Para fazer a doação, as mulheres devem gozar de saúde plena. Portadoras de doenças infecto-contagiosas (hepatite, HIV e outros), não podem doar e nem mesmo amamentar o filho. O risco de transmissão do vírus é alto. Antes da possível coleta, as doadoras têm de mostrar o cartão de acompanhamento pré-natal e passar por uma avaliação clínica. Também não podem beber, fumar e tomar medicamentos.

As mulheres interessadas em doar o leite materno e que já tem conhecimento da técnica para retirada do líquido, devem entrar em contato com o Banco de Leite para que este recolha a doação no endereço informado.

Para as demais que não dominam a técnica de retirada do líquido, estas devem procurar o Banco, onde receberão as orientações necessárias através das profissionais do órgão.

O Banco de Leite Humano funciona das 7h às 17h, está localizado na rua Gerson Rodrigues- Vila Unviersitária, 3-6, e o telefone de contato é o (14) 3226-3227.

veja também