Bebê de três meses recebe tratamento de para-médico voluntário da Visão Mundial

Bebê de três meses recebe tratamento de para-médico voluntário da Visão Mundial

Atualizado: Quarta-feira, 3 Fevereiro de 2010 as 12

No title Dos muitos abalos que Danielle Archile sofreu desde que o terremoto destruiu a sua casa, o pior é que ela carece de meios para cuidar de seu filho de três meses, Amadou.

Danielle e Amadou dormem agora ao relento juntos ao pai da família, Marco, e os outros filhos Vladimir e Davalma.

Os últimos acontecimentos abalaram Danielle, o que interferiu na sua produção de leite materno, agora insuficiente para alimentar Amadou. As fraldas também acabaram.

Para piorar as coisas, o olho de Amadou está inflamado com conjuntivite, conseqüência das nuvens de poeira que se formaram com o terremoto.

Felizmente, Amadou foi visto pelo para-médico voluntário da Visão Mundial Victor Martamoros, da Costa Rica, durante uma distribuição de alimentos da organização.

Ele levou Amadou para uma tenda no bairro e tratou seus olhos com creme antibiótico. O médico também entregou a Danielle um creme extra para que ela pudesse continuar o tratamento.

A família de Danielle também recebeu da Visão Mundial um suprimento de comida para 14 dias, consistindo em lentilhas, óleo de cozinha, uma mistura de soja e milho e soja fortificada.

Danielle diz que está muito aliviada já que a família tem muito pouco dinheiro restante.

"Nós teríamos que gastar o pouco que temos para comprar comida," ela diz.

Você pode ajudar a Visão Mundial a socorrer as vítimas do Haiti,   doe agora !

veja também