Bola de Neve Church forma turma de voluntários para o Haiti

Bola de Neve Church forma turma de voluntários para o Haiti

Atualizado: Quinta-feira, 3 Março de 2011 as 12:36

A Igreja Bola de Neve de Santo André, no ABC paulista, organiza a Missão Haiti 2011. Os 30 voluntários, entre eles: médicos, dentistas, enfermeiros, engenheiros civis, professores, cabeleireiros, cozinheiros, arquitetos, fotógrafos, publicitários, entre outros, se preparam para a missão que acontece de 21 de março à 3 de abril.

A equipe ficará hospedada na igreja do Pastor Venel, para reformá-la, dar atendimento médico, dentário, ensinar higiene pessoal, recreação com peça teatral, lecionar aulas de português, além de levar algo muito precioso: o amor!

Os missionários custearam suas passagens, mas a alimentação e a reforma da igreja dependem da venda de camisetas da Missão Haiti que devem ser encomendadas, outra maneira de colaborar é através das doações de qualquer quantia (Saiba como ajudar aqui ou ao final dessa matéria).

O INÍCIO: "Projeto Sol Nascente"

O projeto de missões no Haiti chamado "Projeto Sol Nascente" surgiu em um sonho que Deus deu ao Pastor Ivens, da Bola de Neve de Chapecó em Santa Catarina, mas que não é de uma denominação evangélica, como o próprio site do projeto relata, Sol Nascente conta com pastores brasileiros, haitianos e até de outras nações.

Em abril de 2009 aconteceu a primeira viagem missionária com o Pastor Ivens, Apóstolo Leo e o Missionário Fausto (Bola de Neve de Laguna). Em julho do mesmo ano foi realizada a segunda viagem, dessa vez com Pastor Ivens, Pastor Giba (Bola de Neve Santo André). Dois meses depois, em setembro, o Pastor Ivens, sua esposa Pastora Ivanir e o Júlio César (Bola de Neve Santo André) partiram para o Haiti rumo à terceira missão.

Em Novembro de 2009, o Pastor Ivens esteve novamente no Haiti, e além de um evento histórico com participação de pastores brasileiros e haitianos, Deus deu uma palavra profética à Ivens sobre Ageu 2:6 e 7:

"Assim diz o Senhor dos Exércitos: Dentro de pouco tempo farei tremer o céu, a terra, o mar e o continente. Farei tremer todas as nações, que trarão para cá os seus tesouros, e encherei este templo de glória, diz o Senhor dos Exércitos."

Em menos de dois meses, em 12 de janeiro de 2010, o Haiti sofreu com o terremoto e o mundo passou a olhar e ajudar aquela nação.

Poucos dias após o terremoto o Pastor Ivens retornou ao Haiti e dois meses depois foi a vez do Pastor Giba e o Rodrigo Perez (Bola de Neve Santo André) auxiliarem Ivens na ajuda ao povo haitiano em mais uma missão.

Em setembro de 2010, Pastor Giba e Rodrigo retornaram ao Haiti para solicitar ao embaixador brasileiro no país o visto do Pastor Venel (haitiano) para que ele conhecesse a igreja brasileira, recebesse amor e entendesse um pouco da cultura, além da oportunidade de destinar os recursos arrecadados pelo Recrie (Rede Cristã de Empreendedores) de São Paulo para a igreja do Haiti.

MISSÃO HAITI 2011: Bola de Neve Santo André

Agora é a vez de 30 voluntários, em sua maioria da Bola de Neve de Santo André, ajudarem o Haiti em uma missão muito especial!

O objetivo dessa viagem é reformar a igreja do Pastor haitiano Venel, que esteve na última Conferência Profética em dezembro na Sede da Bola de Neve em São Paulo. Para isso a equipe de missionários conta com arquitetos e engenheiros civis, que irão auxiliar tecnicamente os voluntários na reforma da igreja, abrigo dos missionários nessa e em próximas missões. A intenção é transmitir conhecimento de construção civil para que o povo haitiano esteja apto a realizar a reconstrução do país.

Além da reforma, médicos, enfermeiros e dentistas irão, na medida do possível, prestar atendimento à comunidade da igreja.

Estão programadas aulas sobre higiene pessoal e bucal, pois eles não tem o costume de escovar os dentes, de comer com talheres, e muitas vezes não tem ao menos o que comer, recorrendo à biscoitos feitos de barro para saciar a fome. Os haitianos não tem o hábito de lavar as mãos para comer e pela falta de saneamento básico, muitos fazem suas necessidades nas ruas. Esse conhecimento de higiene pessoal irá auxiliar na diminuição de doenças, além de proporcionar bem estar e saúde aos membros da igreja local.

Serão lencionadas também aulas de teatro e português para as crianças e membros da igreja do Pastor Venel, estreitando ainda mais os laços entre os dois países.

A publicitária Flavia Norte, da Bola de Neve de Santo André, sabe que além de conhecimentos técnicos, o povo precisa de amor: " Vamos num grupo de 30 pessoas, entre elas profissionais da saúde e educadores. Como publicitária posso dizer que aos olhos humanos não me encaixo em nenhuma função técnica necessária para a igreja local, porém desde a primeira vez que ouvi falar sobre o Haiti, senti um amor muito grande e o desejo ardente de ajudar aquele povo. Tenho certeza que Deus tem preparado os dons e habilidades de cada um, estou feliz de participar disso. O amor que Deus tem derramado em nossos corações é indescritível. A nossa fé não deve se apoiar em sabedoria humana, mas no poder de Deus, para que o Espírito Santo opere em nós e através de nossas vidas", declara Flavia.

Para aqueles que ficam no Brasil, mas querem de alguma forma fazer parte da Missão Haiti organizada pela Bola de Neve Santo André, existem algumas maneiras de colaborar, uma delas é adquirir uma linda camiseta da Missão Haiti por 25 reais, um ótimo presente para alguém especial que ajudará a levar amor e esperança ao povo haitiano.

Saiba como colaborar clicando aqui .

Por Ligia Toledo

veja também