Caravana missionária parte rumo a Cabo Verde

Caravana missionária parte rumo a Cabo Verde

Atualizado: Terça-feira, 23 Novembro de 2010 as 11:48

Mais uma caravana missionária composta por voluntários abençoa um país onde há missionários da Junta de Missões Mundiais. Entre os dias 7 de novembro e 1 de dezembro o grupo de 29 integrantes, a maioria membros da IB Alvorada, em Feira de Santana (BA), deixou o Brasil rumo a Cabo Verde, na África.

Levando na bagagem muitas doações e, principalmente, o desejo de serem usados na obra do Senhor, os integrantes da caravana comemoraram a primeira vitória da viagem ainda no Brasil. "No momento do embarque, no despache das malas, um servo do Senhor estava trabalhando e, sensibilizado com o propósito da nossa viagem, somou todo o peso das malas e dividiu pela quantidade de pessoas, de forma que foi suficiente para que pudéssemos embarcar com todas as doações!”, afirmou Sílvio Camilo, Representante da JMM para o Nordeste do Brasil e líder da caravana.

A chegada ao país foi muito calorosa, segundo relataram os voluntários. No aeroporto de Cidade da Praia, capital de Cabo Verde, aguardavam o grupo os missionários da JMM, Pr. Elton Rangel Jr e Pr. Emanuel Monteiro, e suas respectivas famílias. No mesmo dia da chegada começaram os planos de ação evangelística no país, sempre enfocando o tema missão integral (atender as necessidades físicas e espirituais do homem).

No dia seguinte o grupo saiu às ruas para convidar crianças para o trabalho evangelístico que aconteceria à tarde. “Elas ouviram do amor de Deus através de histórias bíblicas. A frequência foi muito boa e as crianças são receptíveis, alegres e inteligentes. Elas ouviram, gostaram e aprenderam o que foi ensinado. A Palavra do Senhor foi semeada”, disse Sílvio Camilo. Em seguida aconteceu o culto na 2ª igreja Batista da Praia, em homenagem aos visitantes. “Foi maravilhoso conhecer àqueles irmãos, que nos cumprimentam com um sorriso no rosto e um olhar carinhoso, fazendo com que nos sentíssemos muito bem”. Os voluntários contribuíram com o PEPE em Cabo Verde, que em duas unidades atende 120 crianças. Eles ajudaram no preparo dos lanches, da limpeza das salas e da escola, entre outras ações. “Estar perto destes pequeninos é uma experiência abençoadora”, contou Sílvio Camilo. Além do trabalho no PEPE, os brasileiros realizaram visitas a hospitais e evangelismos de rua, sempre usando como estratégia o cubo evangelístico, a pulseira com as cores do plano de salvação e folhetos inspirativos. Outra área em que o grupo de voluntários pôde atuar e abençoar a obra missionária em Cabo Verde foi a construção. Com a presença de engenheiros e eletricista na caravana, reformas nos templos das igrejas e o erguimento dos muros da igreja em Achada de São Filipe. “Um trabalho desafiador para esta comunidade, mas fácil para o Dono da obra, que seleciona seus funcionários de vários lugares do mundo para fazer o que Ele deseja e da forma que ele deseja”, afirmou Sílvio Camilo.

O sentimento do grupo é refletido nas palavras do Representante da JMM. “Como Abraão, que saiu de sua terra para um lugar que Deus ainda ia mostrar, esta equipe saiu do Brasil para fazer uma obra que o Senhor, a cada instante, nos mostra a direção. Viemos, estamos trabalhando e vimos, até aqui, os milagres acontecerem. Andar com Deus é ver milagre a todo instante. E como Abraão recebeu a ordem de ser uma bênção para todas as famílias da terra, temos o mesmo desejo: Ser bênção em todos os momentos e em todos os lugares que Deus nos levar”, finaliza Sílvio Camilo.

veja também