Christian Aid: cumprindo o "Ide" sem enviar ninguém

Christian Aid: cumprindo o "Ide" sem enviar ninguém

Atualizado: Segunda-feira, 3 Novembro de 2008 as 12

Fazer com que a mensagem de salvação que há na Palavra de Deus chegue aos povos e países não evangelizados sem ter que preparar, treinar ou enviar nenhum missionário. Esse é o método original de trabalho da Christian Aid, uma missão americana, que tem uma base no Rio de Janeiro. "Nosso trabalho consiste em levantar recursos para manter missionários nativos nas regiões não evangelizadas do planeta", explica Regina de Oliveira, coordenadora da Christian Aid no Brasil.

A missão atua na Índia, Oriente Médio e em vários países da África. "Nós apoiamos o missionários locais e, sem enviar ninguém, ajudamos pessoas no mundo inteiro", diz Regina. "O trabalho realizado pelos nativos tem muitas vantagens em relação ao tradicional envio de missonários. Claro que os dois métodos são válidos. Mas, com o missionário local temos menos gastos e mais resultados. Um cristão nativo sempre é mais qualificado que os transculturais porque as pessoas têm maior identificação com ele. É um evangelista nacional e não um estrangeiro que vem falar de coisas totalmente alheias à cultura de um país que ele não conhece direito".

Segundo Regina de Oliveira, a Christian Aid no Brasil é auto-sustentável, não dependendo de recursos da sede dos Estados Unidos. Os mantenedores são levantados através de correspondência, de trabalhos realizados nas igrejas e junto aos pastores.

Mais informações pelo telefone (21) 2222-3511 ou pelo e-mail [email protected]

veja também