Cristãos brasileiros visitam cristãos perseguidos

Cristãos brasileiros visitam cristãos perseguidos

Atualizado: Segunda-feira, 13 Janeiro de 2014 as 2:49

Cristãos brasileiros visitam cristãos perseguidosO ministério Sem Fronteiras (Portas Abertas Brasil) enviou recentemente, 186 missionários para visitar 14 países nos quais os cristãos sofrem perseguição religiosa.
 
No Brasil, a Missão busca alertar e divulgar a realidade dos cristãos em todo o mundo - principalmente naqueles cujo evangelho não é aceito.
 
Visitar cristãos que sofrem perseguição, pesquisar as condições de cada local, orar e oferecer apoio a estas pessoas faz parte das diversas ações da Portas Abertas.
 
Segundo o pastor Eude Rocha, nenhuma oportunidade de divulgar o evangelho é perdida.
 
"Em Uganda, alugamos uma Van e o motorista era mulçumano. Ele gosta muito do futebol do Brasil. Um dos nossos compromissos era uma visita em uma igreja na periferia de Kampala (capital do país). Convidamos o motorista e ele também participou do culto. Deus tocou em seu coração e os pastores brasileiros falaram da salvação em Cristo para ele. Apesar das pressões por ser um mulçumano, ele decidiu seguir a Jesus. Deus seja louvado!", celebrou.
 
Já para o missionário Carlos Prazinho, é gratificante estar perto dos cristãos desses países e saber que eles estão recebendo apoio.
 
"Estar perto dos cristãos perseguidos foi muito gratificante, sempre lia as histórias nasrevistas, mas estar junto deles foi um sonho realizado. O que mais me chamou a atenção foi a história de Nascívia. Ela é uma mulher de garra, que mesmo diante das circunstâncias de perseguição mantém firme seu compromisso em servir à Igreja", disse.
 
Com informações da CPAD News

veja também