Dentista Cidadão deve chegar em breve a Duque de Caxias

Dentista Cidadão deve chegar em breve a Duque de Caxias

Atualizado: Quinta-feira, 27 Outubro de 2011 as 1:32

Estamos a um passo do surgimento da primeira unidade do projeto Dentista Cidadão em Duque de Caxias, na região da Baixada Fluminense (RJ). A iniciativa está sendo levada adiante pela Igreja Batista Central de Duque de Caxias, que, animada com o que tem visto nos campos, está desejosa de servir à sua comunidade através desse projeto que une atendimento odontológico à pregação do evangelho.

Confira o testemunho emocionado do pr. Marcio Lacerda:

" Pela manhã eu preguei uma palavra sobre a Mobilização da Igreja para Ação Social. Foi uma benção. Daí eu comecei a compartilhar da minha experiência no Projeto Mangueira e comecei a expor o Dentista Cidadão, dando dados do IBGE sobre a saúde bucal. E falei do desejo de montarmos aqui em Caxias uma unidade deste projeto. Eu disse a eles: 'Meus irmãos! Diante deste desafio de montarmos uma unidade do Dentista Cidadão em nossa Igreja, eu preciso responder ao Coordenador do Projeto Dani Alves'. E eu disse: 'Nós vamos dizer que não? Vamos recuar ou vamos avançar?'. Sabe qual foi a resposta do povo em uma só voz? AVANÇAR. De repente o meu vice-moderador pediu a palavra e disse: 'Pastor, eu não sou muito de ficar falando de sonho não, mas esta semana eu estive na casa do diretor jurídico da Odontologia da faculdade UNIGRANRIO. E ontem à noite eu sonhei com várias salas de Dentista. Enquanto o Pastor falava, eu me lembrei do sonho e diante do que eu sinto eu quero confirmar que realmente vamos avançar'. Muitas pessoas começaram a chorar, pois era notória a presença de Deus em nosso meio, confirmando em nossos corações que temos que abraçar este desafio. Acabou o culto e na porta as pessoas não queriam ir embora.  Começaram a ver onde vamos construir a sala.

Eu tenho pregado que a Missão da Igreja deve ser feita de uma forma integral, o Evangelho todo, para o homem todo, para todos os homens; e Deus tem testificado em nossa Igreja que é desta maneira que temos que agir sem olhar para as dificuldades e limitações, mas colocar os olhos  nas possibilidades em Deus. Não existem palavras para dizer o sentimento que estamos sentindo. E, claro, sabemos que o desafio é muito grande. Estamos juntos!"  

veja também