Donativos de funcionários da GM e do Sindicato chegam a Mauá

Donativos de funcionários da GM e do Sindicato chegam a Mauá

Atualizado: Sexta-feira, 4 Fevereiro de 2011 as 12:44

A General Motors do Brasil, por meio do Instituto GM, e o Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano do Sul promoveram durante o mês de janeiro uma campanha para ajudar as vítimas das enchentes ocorridas em Mauá. A mobilização dos trabalhadores levantou recursos para a compra de produtos de higiene pessoal e de limpeza, além de mais de 2 mil litros de água mineral.

A campanha começou com uma iniciativa do Instituto GM que decidiu doar o valor de R$ 50 mil arrecadados com o programa Um Dia sem Carne. Na ação, funcionários da montadora abrem mão da carne uma vez por mês nos restaurantes da fábrica e o dinheiro economizado vai para os necessitados.

O valor levantado pelo programa e também doações feitas por funcionários seriam destinados às vítimas das chuvas no Rio de Janeiro. A articulação do vereador Marcelo Oliveira (PT) junto à Diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano contribuiu para que boa parte da arrecadação fosse para Mauá.

“Temos muitos companheiros metalúrgicos da GM que moram em Mauá - e no Jardim Zaíra especificamente. Eles têm acompanhado de perto o drama das famílias vítimas das chuvas que ficaram sem suas casas e outras que perderam seus entes queridos. Estamos trabalhando juntos, buscando o apoio de todos para ajudar os moradores a reconstruir suas vidas”, destaca Marcelo Oliveira que esteve com trabalhadores e representantes da GM e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano na sede da Secretaria de Assistência Social de Mauá na sexta-feira.

veja também