Estudantes que participaram de encontro missionário dão testemunhos

Estudantes que participaram de encontro missionário dão testemunhos

Atualizado: Terça-feira, 15 Fevereiro de 2011 as 10:45

Na zona de desconforto!

"Os dias do IPL 2011 foram muito marcantes. Não consigo descrever o impacto que cada um deixou, mas bate um desejo de vivê-los já! Deus se revelando através das palestras, oficinas, orações, pessoas...as próprias Escrituras! Foram dias de descobertas, aprendizado, confrontamentos. Sim, é a Palavra viva e eficaz que transforma e nos desafia a viver realmente como sal e luz! Dias de formação e vividos ao lado de pessoas maravilhosas! Nunca havia passado tantos dias fora de casa, sendo que, quando fui para o local do IPL era como se estivesse saindo da minha zona de conforto. Quando começou o IPL, os dias foram passando... ali estava tão bom que não queria que acabasse. Estava ali apenas recebendo o alimento... mas os dias passam e vem a hora de retornar à casa! Era como se a casa tivesse se tornado zona de desconforto agora. O que houve? Bom, entendi que na verdade não existe (não deve existir) zona de conforto, mas ela existirá se a nossa forma de viver não corresponder àquilo que Deus espera que vivemos - seja qual for o lugar em que estivermos. Que Deus continue despertando a cada um, cada IPLense pra vivermos segundo a vontade dEle todos os dias!

Luciana Fernandes N. da Silva

ABU Cuiabá (MT)

Novo enfoque

"Eu mudei minha visão sobre os relacionamentos! Notei a importância de trabalhar em equipe e compartilhar o evangélio em nossas universidades. Tenho um novo enfoque para aplicar no meu país. As exposições bíblicas, palestras e oficinas eram muito relevantes e práticas para nossas realidades. O IPL não foi como eu esperava! Foi melhor"!

Laura Centurión

GBUP Coronel Oviedo (Paraguai)

Simples práticas

"A Parte Prática tem (pois ainda estou “ruminando” o que aconteceu) me ensinado o valor da simplicidade. Estamos tão submersos em nossas complexidades do dia-a-dia que nos tornamos cegos à beleza, à força da simplicidade e à sua capacidade de mudar o mundo. Abrir os olhos para ver que o simples é suficiente e que, em todas as suas propriedades, apresenta a sua própria dinâmica também composta por suas complexidades é desafiador.  Como escreveu JRR Tolkien em sua trilogia “Quando os grandes falham, a esperança vem dos pequenos!” e que os grandes estão falhando continuamente é algo que estamos cansados de saber . Aprender que o amor do qual as pessoas estão dispostas a dar nem sempre é o amor ao qual estamos acostumados ou esperando receber é difícil, é intrigante, e nos faz repensar a nossa postura diante da vida".

José Raphael Bausch Macedo

ABS Belo Horizonte (MG)

Amigos de Alma

"Participar desse encontro foi algo único na minha vida, como pude aprender! Todas as palestras e exposições bílbicas falaram muito comigo, comecei a ver os ensinamentos do livro de João de uma maneira diferente e entendi mais um pouquinho do que realmente Deus espera de mim. A parte prática foi algo marcante, Deus me mostrou mais uma vez que Ele age da maneira Dele e não da minha e que, mesmo no pouco, Ele realiza grandes obras. Também foi maravilhoso ganhar uma nova família, as amizades que consolidei ou, até mesmo que comecei, vou levar para sempre. A equipe foi ótima, como foi bom ver o cuidado do Senhor através da vida deles. Sempre que me lembro de cada rosto me vem um sorriso, cada conversa, brincadeira e aprendizado junto aos iplenses foram perfeitos. Ganhei verdadeiros amigos de alma! A única parte ruim é a despedida e a saudade que fica, mas isso significa que valeu a pena! Agradeço a todos e principalmente a Deus por este encontro maravilhoso".

Napauria do Vale

ABU Ouro Preto (MG)

Novas todas as coisas

O IPL foi impressionante. Cada palestra, cada oficina, cada estudo bíblico parecia que Deus tinha coisas novas pra me contar. Coisas que faziam sentido com tudo que eu estava vivendo até ali. Tanta informação que me fizeram (e ainda fazem) refletir muito. Mas o que mais me marcou nisso tudo foi a parte prática. Fui para Goiania em uma igreja (Sal da Terra) e para uma ONG (Projeto Amar); também tive a oportunidade de conhecer uma ONG que trabalha com ex-dependentes químicos e produz sabão a partir de óleo (Fábrica Ação - http://www.fabricaacao.org.br/). Foi impressionante. As pessoas que conheci, a maneira simples como elas encaram a vida e a dependência de Deus que cada um ali demonstrou me marcou muito. Através dessas pessoas, e conhecendo algumas realidades muito difíceis, percebi como eu sou egoísta e tenho muito a mudar em minha vida. Percebi como eu fecho os olhos para a realidade que me cerca. Mas durante o IPL, Deus abriu meus olhos de maneira que eu sei que não devo mais fechar. Devo continuar vendo as pessoas que me cercam, me importando com elas e fazer alguma coisa para ajudá-las (ainda não sei o que fazer e nem como); sempre dependendo muito de Deus.

Guilherme Pichutti

ABU São Carlos (SP)

Colaboração: Giovanna Amaral

veja também